O Lúdico na aprendizagem da matemática com a utilização de jogos

jogos

O Lúdico na aprendizagem da matemática com a utilização de jogos, você sabia que a dificuldade de aprendizagem em matemática pode ser superada com a utilização do Lúdico, numa visão de recurso de Aprendizagem no Ensino Fundamental. Pesquisas apontam que o lúdico permite a satisfação da aprendizagem de forma divertida e também uma estratégia metodológica prática inovadora que privilegia o conhecimento, o que amplia a possibilidade de compreensão e assimilação do conteúdo na execução das atividades. “Jogar é uma das atividades em que a criança pode agir e produzir os seus próprios conhecimentos” (Petty: 1995, 11).

A utilização do recurso pedagógico é um o jogo aliado como recurso e contribui para a consolidação dos conteúdos de conhecimentos matemáticos. Como é de conhecimento através do Pnaic (Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa em 2012), a matemática abrange os eixos de Números e Operações, Geometria, Grandezas e Medidas, Tratamento da Informação, atendendo os direitos de aprendizagem. A exemplo da leitura e escrita em nosso cotidiano, a matemática é tão importante quanto.

592c55b7fd28a3b2b7ad1a86b4132cb8Considerar que as dificuldades enfrentadas pelas pessoas com deficiência nesse campo estão restritas a pequenas transações comerciais de nosso cotidiano, por exemplo, até mesmo uma simples aquisição de mantimentos poderá ser realizada com tranquilidade e segurança, pois sem conhecimento numérico não podem valorar a moeda. Do mesmo modo, uma criança não saberia pedir mais de um objeto ou produto, pois não saberia quantificá-los.

Tais dificuldades de aprendizagem da matemática poderão ser superadas com a utilização do Lúdico como recurso de Aprendizagem no Ensino Fundamental, através dos jogos. Para isso, a escola deverá prover em seus quadros professores capacitados com o planejamento coerente e as intervenções necessária ao atendimento à criança. Essas ações são fundamentais para promover a aprendizagem de forma diversificada e contextualizada.

As atividades planejadas permitem refletir sobre as mudanças necessárias para o bom desempenho do aluno em matemática. No entanto, o professor deve focar os objetivos propostos daquele jogo ou brincadeira para o aprendizado da criança. É necessário que se defina o momento e a forma do brincar na sala de aula. As atividades lúdicas devem se integrar ao planejamento e à rotina da classe, de forma a contemplar situações em que envolva a criança, até mesmo toda a turma, atendendo suas necessidades.

É comprovado que a aplicação do ensino lúdico dinamiza a leitura, desenvolve a capacidade de raciocínio para resolução de problemas matemáticos elementares (adição e subtração), a autonomia, a argumentação, criando estratégias de raciocínio e a realização de cálculos mentais.

A análise dos resultados reforça a importância da aplicação dos jogos como recurso didático nas aulas, visando uma aprendizagem eficaz, provando que os alunos podem adquirir conhecimento através de atividades lúdicas.

Conclui-se que algumas mudanças nas metodologias atualmente ou frequentemente utilizadas no ensino da matemática possibilitarão a inclusão de uma gama de novos alfabetizados, trazendo um novo mundo a esses alunos que saberão fazer de cálculos e resolver problemas, terem autonomia, mobilidade e participação social e econômica no meio em que vivem.

O ensino da matemática com o método lúdico capta a atenção e o interesse dos alunos de forma a gerar o sentido de cooperação e integração entre eles. O resultado desse aprendizado pode ser medido no curto prazo, de modo que os alunos manifestem prazer nas atividades propostas, segurança nas respostas dos questionamentos, ter adquirido habilidades de cálculo mental e que defendam suas ideias sem medo de errar. O resultado é perceptível, por isso a importância da construção de relatórios escritos sobre o que aconteceu e o que foi aprendido logo nas primeiras semanas , através da proposta de uso dos jogos matemáticos. Durante as situações de jogo, a criança realmente toma decisões, reflete, analisa, considera várias possibilidades, antecipa jogadas, elimina obstáculos, verbaliza hipótese e constrói o conhecimento. Encara a aprendizagem com satisfação e alegria em sala de aula.

53fc2940669b33a977a8ec5c5bce7a21

Referência Bibliográfica: Ministério da Educação Secretaria de Educação Básica Diretoria de Apoio à Gestão Educacional – Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa Jogos na Alfabetização Matemática.

 

Valdivino Sousa é Professor, Matemático, Pedagogo, Psicopedagogo, Contador, Bacharel em Direito e Escritor. Pesquisador sobre Engenharia Didática em Educação Matemática; Modelagem; Construção do Conhecimento em Matemática; Modelos Matemáticos e suas Aplicações na vida real. Criou o método X Y e Z que facilita na aprendizagem de equação e expressão algébrica com objetos ilustrativos. Docente nos cursos de Matemática, Ciências Contábeis, Administração e Engenharia. Autor de mais de 10 (dez) livros e têm vários artigos publicados em revistas e jornais especializados. Semanalmente escreve para o portal D.Dez, Jornal da Cidade e Folha Online. Sobre: Educação Matemática e Desenvolvimento da Aprendizagem. Site: www.valdivinosousa.mat.br E-mail: valdivinosousa.mat@gmail.com Telefone Celular / Whatsap: 11 – 9.9608-3728

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s