Humorista expulsa fascistas de show em Minas Gerais

Até "Dilma" foi à Campus Party

Humorista expulsa fascistas de show em Minas Gerais

Humorista Gustavo Mendes, famoso por interpretar a ex-presidenta Dilma Rousseff em seu canal no YouTube, não se intimidou com gritos e provocações e colocou para fora um grupo bolsonaristas que dizia para ele “fazer show na África”. “Levanta aquele meiozinho ali, levanta vocês três. Eu devolvo o dinheiro de vocês, eu quero vocês fora: tchau”, disse

O humorista Gustavo Mendes, famoso por interpretar a ex-presidenta Dilma Rousseff em seu canal no YouTube, não se intimidou com gritos e provocações e colocou para fora um grupo bolsonaristas que o atacava durante show em Teofilo Otoni (MG). O trio, que gritava para Mendes “fazer show na África”, teve seu dinheiro ressarcido.

Leia mais em: https://www.brasil247.com/brasil/humorista-expulsa-fascistas-de-show-em-minas-gerais#.XWp-el2CAgI.twitter

Anúncios

Aluno patrocinado por Olimpíada de Matemática vive a incerteza de perder apoio do governo

Caio Diniz Dupin Galvão, medalhista da OBMEP Foto: Fabio Rossi / Agência O Globo
Caio Diniz Dupin Galvão, medalhista da OBMEP Foto: Fabio Rossi / Agência O Globo

Morador de Magé, Caio Galvão recebe bolsa de R$ 400 desde que ganhou sua primeira medalha na competição, há quatro anos

Caio Diniz Dupin Galvão tem 17 anos e, como a maioria dos brasileiros de sua idade, se prepara para prestar os exames vestibulares no segundo semestre do ano. Ao contrário de boa parte de seus colegas, porém, ele não está preocupado apenas com a chegada das provas. Isso por conta de mudanças nas bolsas da Olimpíada Brasileira de Matemática (OBMEP). Desde que ganhou sua primeira medalha na competição, há quatro anos, ele recebe um apoio mensal de R$ 400 do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), que ajuda a custear seus estudos, além de uma série de cursos e materiais didáticos. O problema? Ele pode parar de recebê-la no mês que vem. Continuar lendo Aluno patrocinado por Olimpíada de Matemática vive a incerteza de perder apoio do governo

Governo divulga lista com 51 planos de saúde suspensos devido a reclamações

Resultado de imagem para planos de saude
Governo divulga lista com 51 planos de saúde suspensos devido a reclamações
A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) suspendeu hoje (30) a venda de 51 planos de saúde de dez operadoras por causa de reclamações dos consumidores recebidas no segundo trimestre do ano.
A lista com todos os planos suspensos pode ser vista no site da ANS. A medida valerá a partir da próxima sexta-feira (6)..
Nada muda para quem já é cliente Juntos, os planos suspensos têm cerca de 278,6 mil beneficiários. Para quem já é cliente, nada muda. O objetivo é evitar que as operadoras vendam seus produtos a novos clientes antes de resolver os atuais problemas.

Continuar lendo Governo divulga lista com 51 planos de saúde suspensos devido a reclamações

Em carta, clero católico diz estar sendo criminalizado por defender a Amazônia

Resultado de imagem para clero católico

Em carta, clero católico diz estar sendo criminalizado por defender a Amazônia

Documento reacende mal-estar entre a Igreja e o governo Bolsonaro, que questiona intenção de missões

Bispos, padres e religiosos da Igreja Católica na Amazônia divulgaram uma carta nesta sexta-feira (30) na qual afirmam que lideranças religiosas estão sendo criminalizadas e tratadas como “inimigos da pátria” por defenderem a Amazônia.

Na carta, que foi publicada após um encontro realizado em Belém para o estudo do documento de trabalho do Sínodo para a Amazônia, os religiosos também cobram “medidas urgentes” dos governos no combate aos crimes ambientais e às queimadas.

O documento reacende um mal-estar entre a Igreja Católica e o governo Jair Bolsonaro que surgiu após o Sínodo para a Amazônia ser criticado por integrantes da administração federal —eles questionaram a intenção das missões religiosas no Brasil.

Leia mais em: https://www1.folha.uol.com.br/poder/2019/08/em-carta-clero-catolico-diz-estar-sendo-criminalizado-por-defender-a-amazonia.shtml

Dono da Havan é notificado pelo Ministério Público por uso da bandeira nacional

O empresário Luciano Hang

Dono da Havan é notificado pelo Ministério Público por uso da bandeira nacional

Luciano Hang diz que prefere ser preso a deixar de usar o símbolo em suas lojas

O empresário Luciano Hang, da Havan, está tendo problemas por usar a imagem da bandeira do Brasil. Há cerca de um mês, ele foi notificado pelo Ministério Público por colocar a flâmula em um cartão de compras que a empresa dá aos clientes.

BANDEIRA

“Expliquei que a distribuição do cartão é gratuita e que fazemos isso como uma forma de patriotismo”, diz Hang. Um dos principais apoiadores de Jair Bolsonaro entre os empresários, ele costuma se vestir com um terno verde e gravata amarela.

Leia mais em: https://www1.folha.uol.com.br/colunas/monicabergamo/2019/08/dono-da-havan-enfrenta-problemas-por-uso-recorrente-de-bandeira-do-brasil.shtml

Bolsonaro espera ajuda de Trump e telefonema de Merkel sobre Amazônia

Resultado de imagem para Bolsonaro espera ajuda de Trump e telefonema de Merkel sobre Amazônia

Bolsonaro espera ajuda de Trump e telefonema de Merkel sobre Amazônia

O presidente tenta aplacar a crise diplomática internacional em torno das queimadas

O presidente Jair Bolsonaro pediu ajuda ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e aguarda um telefonema da chanceler alemã, Angela Merkel, numa tentativa de ganhar apoios e pacificar a crise internacional sobre a Amazônia.

Em entrevista nesta sexta (30), ao sair do Palácio da Alvorada, ele disse que o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, e seu filho Eduardo Bolsonaro —que tenta emplacar como embaixador em Washington— devem fazer em breve algum anúncio sobre conversa com Trump.

Leia mais em: https://www1.folha.uol.com.br/ambiente/2019/08/bolsonaro-espera-ajuda-de-trump-e-telefonema-de-merkel-sobre-amazonia.shtml

A revista Veja publica matéria exclusiva sobre o ex-PM Fabrício Queiroz

A revista Veja publica matéria exclusiva sobre o ex-PM Fabrício Queiroz

A revista Veja fez o que a Polícia Federal não conseguiu: encontrou o caixa do clã Bolsonaro, o ex-PM Fabrício Queiroz. O coordenador do esquema de lavagem de dinheiro que ocorria no gabinete de Flavio Bolsonaro na Assembleia Legislativa do Rio, foi flagrado passando pela porta do Centro de Oncologia e Hematologia do Hospital Albert Einstein, em São Paulo, no último dia 26. Atualmente, ele mora no Morumbi (SP), mesmo bairro da Zona Sul de São Paulo onde se encontra o Einstein.

Leia mais em: https://www.brasil247.com/regionais/sudeste/queiroz-aparece-no-morumbi-em-sao-paulo

 

Lésbicas e DSTs: a saúde sexual das mulheres que transam com mulheres

Resultado de imagem para lesbicas

Lésbicas e DSTs:  saúde sexual das mulheres que transam com mulheres

Lésbicas e bissexuais também podem contrair doenças sexualmente transmissíveis (DSTs), como HIV e HPV. Entenda os riscos e conheça os métodos de proteção

Imagine a cena: duas mulheres estão no quarto, trocando carícias, cheias de tesão, tiram a roupa e então… Uma delas vai até a cozinha pegar o rolo de plástico filme para colocar sobre a vulva da parceira e garantir que elas façam sexo seguro.

Pois é, uma cena que não parece nada sexy, nem prática. Mas que tem sido a principal orientação que mulheres lésbicas encontram sobre prevenção de doenças que podem ser transmitidas no sexo. Isso, quando encontram alguma orientação. Porque existe também uma ideia geral de que em uma transa com duas vaginas, não há risco de transmissão. Continuar lendo Lésbicas e DSTs: a saúde sexual das mulheres que transam com mulheres

Ministros avaliam que STF deve limitar efeito cascata de decisão sobre Lava Jato

Resultado de imagem para stf fachin

Ministros avaliam que STF deve limitar efeito cascata de decisão sobre Lava Jato

Especialistas criticam eventuais restrições; ainda não há data para julgamento do tema no plenário

No cálculo de ministros do STF (Supremo Tribunal Federal), a tendência é que a maioria do plenário avalize o recente entendimento da Segunda Turma da corte que estipulou uma ordem de apresentação de alegações finais em processos penais: réus delatores se manifestam antes, e réus delatados, depois, para poderem rebater as acusações dos primeiros.

Esse entendimento levou à anulação, na terça-feira (27), da condenação do ex-presidente do Banco do Brasil e da Petrobras Aldemir Bendine, uma derrota histórica para a Lava Jato por uma questão técnica. Foi a primeira vez que o STF anulou uma condenação imposta pelo ex-juiz Sergio Moro.

Leia mais em: https://www1.folha.uol.com.br/poder/2019/08/ministros-avaliam-que-stf-deve-limitar-efeito-cascata-de-decisao-sobre-lava-jato.shtml

 

Genes não ajudam a prever homossexualidade, mostra estudo

Resultado de imagem para Genes não ajudam a prever homossexualidade, mostra estudo

Genes não ajudam a prever homossexualidade, mostra estudo

Maior pesquisa já feita sobre o assunto aponta que só 1% do comportamento sexual pode ser explicado por alguns genes

O maior estudo já feito acerca da influência do genoma sobre a homossexualidade, envolvendo meio milhão de pessoas, sugere que essa característica é tão multifacetada quanto outros traços complexos da natureza humana, como a inteligência ou o talento para esportes.

Ao que tudo indica, interações complicadas entre milhares de genes e o ambiente em que as pessoas se desenvolvem ajudam a entender por que alguém se relaciona com parceiros do mesmo sexo, diz a pesquisa, coordenada por pesquisadores dos EUA e da Europa e publicada na revista Science.

Os resultados devem sepultar de vez a busca por um único “gene gay” (algo já desacreditado na comunidade científica há tempos). Também inviabilizam tentativas de usar dados de DNA para identificar pessoas com preferências homossexuais ou métodos biológicos para reverter tais preferências, simplesmente porque elas dependem de fatores variados e complexos demais para serem alterados.

Leia mais em: https://www1.folha.uol.com.br/ciencia/2019/08/genes-nao-ajudam-a-prever-homossexualidade-mostra-estudo.shtml