Copom reduz taxa básica de juros de 6% para 5,5% ao ano

Copom mantém taxa básica de juros em 6,5% ao ano Foto: Pixabay

Copom reduz taxa básica de juros de 6% para 5,5% ao ano

Redução já era esperada pelo mercado financeiro e acontece em meio ao fraco desempenho da economia brasileira. Nova taxa é a menor da série histórica do Banco Central.

O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central decidiu nesta quarta-feira (18), por unanimidade, reduzir a Selic, taxa básica de juros da economia, de 6% ao ano para 5,5% ao ano.

O percentual, que já era esperado pelo mercado financeiro, é o menor da série história do Banco Central, que começou em 1986. A taxa básica de juros serve como referência para as demais taxas cobradas de famílias e empresas.

A Selic se manteve em 6,5% de março de 2018 a julho de 2019, quando recuou para 6%. A expectativa de economistas é que, para a próxima reunião do comitê, no fim de outubro, haja mais um corte de 0,5 ponto percentual na taxa, caindo para 5% e permanecendo neste percentual até o fim de 2020.

Leia mais em: https://g1.globo.com/economia/noticia/2019/09/18/copom-reduz-taxa-basica-de-juros-de-6percent-para-55percent-ao-ano.ghtml

Continuar lendo Copom reduz taxa básica de juros de 6% para 5,5% ao ano

Anúncios

Bolsonaro pode deixar PSL de olho em fundo eleitoral

Jair Bolsonaro e Luciano Bivar

Bolsonaro pode deixar PSL de olho em fundo eleitoral,

Bolsonaro estaria em divergência com o presidente do partido, Luciano Bivar, que não abre mão da liderança da legenda. Bolsonaro argumenta que, sem ele, o PSL não teria a maior bancada da Câmara

Jair Bolsonaro estaria disposto a deixar o PSL de olho no Fundão Eleitoral e do Fundo Partidário, de acordo com informações do site O Antagonista. Os recursos podem chegar até meio bilhão de reais.

Jair Bolsonaro teria confidenciado a assessores que, por conta de atritos com Bivar, deixaria o PSL até o final do ano.

Luciano Bivar diz que ofereceu a Bolsonaro a possibilidade de concorrer à presidência. Em contrapartida, Bolsonaro afirma que, sem ele, o partido não teria a maior bancada da Câmara.

O Antagonista ainda diz que “18 dos 53 deputados do PSL estão na iminência de deixar a legenda”.

Leia mais em: https://www.brasil247.com/poder/bolsonaro-pode-deixar-psl-de-olho-em-fundo-eleitoral#.XYKWTchaquY.twitter