Comentarista Reginaldo Leme deixa a TV Globo após mais de 40 anos

Por Redação em, 27/11/2019

F1: Comentarista Reginaldo Leme deixa a TV Globo após mais de 40 anos

Principal comentarista de automobilismo no Brasil, jornalista ainda tinha um ano de contrato, apurou o Motorsport.com

O jornalista Reginaldo Leme, comentarista de Fórmula 1 da TV Globo desde 1978, não vai mais trabalhar na emissora. Segundo o Yahoo, Leme teria comunicado a empresa de sua vontade nesta terça-feira. O Motorsport.com confirmou que Leme tomou tal decisão e apurou que o profissional ainda tinha mais um ano de contrato com a Globo.

O comentarista também teria anunciado que não vai trabalhar no GP de Abu Dhabi no próximo fim de semana, no encerramento do ano da F1. Assim, a última atuação de Leme no grupo fica por conta da etapa de Goiânia da Stock Car, no último domingo.

Leia também:

De acordo com o Yahoo, pessoas que leram o email do jornalista disseram que o tom foi um “misto de agradecimento e lamentação”. No GP do Brasil de F1, há alguns dias, Leme foi comentarista, como de praxe, além de fazer entradas ao vivo e entrevistar Lewis Hamilton.

A decisão do jornalista vem meses após ‘Regi’ ficar de fora do GP da China, o 1000º da história da F1, por problemas de saúde. Na ocasião, o Motorsport.com deu detalhes em primeira mão sobre a ausência do comentarista.

Leia mais em: https://motorsport.uol.com.br/f1/news/f1-comentarista-reginaldo-leme-deixa-a-tv-globo-apos-mais-de-40-anos/4603400/?nrt=54

Técnicos em contabilidade reivindica alteração de categoria

Resultado de imagem para direito simbolo advocacia advogado

Os técnicos em contabilidade reivindica alteração de categoria, principalmente os que estavam cursando o Bacharel em Ciências Contábeis, na época em que a Resolução CFC nº 1.554/18, passou a vigorar, o questionamento até mesmo pelos CRCs dos Estados e por especialistas da área é que estes profissionais foram os mais prejudicados, quando o CFC diz que: “conforme previsto na Resolução CFC n.º 1.554/18, para a conversão do registro de Técnico em Contabilidade para Contador é necessária à devida aprovação em Exame de Suficiência”.

O artigo 9º parágrafo primeiro que deveria ter a seguinte redação: “Para alteração de categoria, faz-se necessária a aprovação no Exame de Suficiência, quando a alteração for de Técnico em Contabilidade para Contador, dos bacharéis que concluíram o curso após 14/06/2013”. Por que 2013, por que se presume que o candidato já estava no primeiro ano com seu curso em andamento quando a Lei entrou em vigor.

O Mercado e os Clientes

Os clientes e mercado não qualificam mais entre “Técnico e Contador”, ou seja, todos são chamados de CONTADOR, pois a sociedade e mídia em geral sabe que não existe mais TÉCNICO sendo extinta essa categoria em 2015. Portanto, a reivindicação é sobre os Técnicos atuantes com situação regular para alterar o Parágrafo 1º do artigo 9º da Resolução 1.554/18 que faz parte da Lei 12.249210. Ou seja, para os Técnicos com registro ativo e regular que possuem Diploma de Bacharel em Ciências Contábeis alterar de categoria de Técnico para Contador, sem a necessidade de submeter ao exame de suficiência.

Conclusão

Os Técnicos que possuem o Diploma de Bacharel em Ciências Contábeis se recusaram a fazer o exame de Suficiência, isso acorre desde o 1º e 2º exame de 2018. E, 2019 não foi diferente no 1º e 2º exame de 2019, (exame 2019-1 em 07 de Julho, e exame 2019-2 ocorreu em 27 de Outubro de 2019). O motivo é um protesto contra o CFC que não se manifesta a respeito da mudança de categoria de Técnico em Contabilidade para Contador.

Por fim, a prova do CFC não avalia a prática do profissional contábil e na visão de especialistas está indo para o mesmo caminho do exame de ordem, já existem vários cursinhos explorando o candidato, alguns prometendo aprovação na tal prova. Na internet basta uma pesquisa para deparar com bastantes sites ofertando cursos preparatórios online, estão virando uma  mercantilização e um meio de comércio.

Fica aqui o espaço aberto para o CFC – Conselho Federal de Contabilidade se manifestar sobre o assunto.

 

Leia Também

CFC confere prerrogativa para os técnicos em contabilidade autenticar documentos

PEC 108/19 poderá derrubar exigência de exame de ordem com a extinção de vários conselhos de classe

Exame de Suficiência 1ª edição 2019 reprova 65,07% dos candidatos

Resolução que exige Técnico em Contabilidade com Bacharel em Ciências Contábeis a submeter exame de Suficiência para mudança de categoria para Contador é inconstitucional

Exame de Suficiência não avalia a prática do Contador e os Técnicos com Bacharel em Ciências Contábeis se recusam a fazer a prova

Desembargadores Federais obriga CRC conceder registro profissional a uma Bacharel em Ciências Contábeis em Santa Catarina

Petição Pública: Mudança de Técnico de Contabilidade para Contador 2019

Bacharel em Ciências Contábeis que atua como técnico recusa fazer o exame de suficiência

Técnicos em Contabilidade que têm Bacharel em Ciências Contábeis não fizeram exames de suficiência 1º e 2º de 2018

CFC emite comunicado sobre o Exame de Suficiência 2019

Exame de suficiência pode ser extinto para Bacharel em Ciências Contábeis

 

Estação Psicanálise oferece boa conversa de graça

Os grupos de trabalho da Unicamp e da Tykhe Associação de Psicanálise se uniram para criar o projeto
Estação Psicanálise oferece boa conversa de graça Projeto presta atendimento gratuito na Estação Cultura desde setembro
Aquela conversa sincera, olho no olho, cheia de amizade e compaixão, é cada vez mais rara. Ao mesmo tempo, é visível na sociedade a tendência a uma vida individualista e fechada, compartilhada apenas nas redes sociais.
O contexto social conturbado e a situação de desemprego e instabilidade econômica contribuem também com o surgimento do desânimo e da depressão.
Junto com esse novo estilo de vida surge um sentimento de vazio. Brota neste quadro uma verdadeira enxurrada de síndromes e pânicos, entre outras manifestações da alma. Foi pensando neste cenário que surgiu em Campinas, neste ano, o projeto Estação Psicanálise: “O que você tem a dizer nos importa”. Desde setembro, um grupo de psicanalistas presta atendimento gratuito na Estação Cultura, no Centro, todas as manhãs de sábado.

Continuar lendo Estação Psicanálise oferece boa conversa de graça

Como usar esta teoria da psicanálise para refletir sobre sua carreira

Homem pensativo no trabalho; homem refletindo; pensando

Como usar esta teoria da psicanálise para refletir sobre sua carreira

Caso você esteja atravessando algum incômodo com os seus parceiros de trabalho, talvez seja o momento de parar de olhar para fora

Você conhece alguém que é tão inocente, que nunca vê maldade em nada e que não percebe que outras pessoas se aproveitam dela de forma negativa? Ou uma pessoa que é tão pessimista que só consegue ver erros e falhas em tudo e em todos? Continuar lendo Como usar esta teoria da psicanálise para refletir sobre sua carreira

Sintomas comuns dificultam diagnóstico de tipo raro de câncer

Sintomas comuns dificultam diagnóstico de tipo raro de câncer

Associação Brasileira de Linfoma e Leucemia alerta a população para sinais da mielofibrose, a fim de reduzir o tempo de identificação da doença

Curso de Formação em Psicanálise

De R$ 1.000,00 por apenas R$ 500,00 ou 4x de 125,00 no boleto, ou você pode pagar via cartão pelo PagSeguro em mais parcelas.

Acesse: https://institutouniverse.com.br/course/curso-de-formacao-em-psicanalise/

Fraqueza, anemia, palidez, sudorese noturna, cansaço excessivo e progressivo, palpitações, falta de ar, emagrecimento e perda de apetite, dor ou desconforto no abdômen. Esses sintomas que, muitas vezes, são confundidos com sinais do envelhecimento, podem ser indícios da mielofibrose: um câncer mais incidente em pessoas a partir de 60 anos, que afeta as células responsáveis pela produção de sangue na medula óssea.

Por conta desses sinais inespecíficos, o primeiro grande desafio desses pacientes é chegar ao diagnóstico. Uma pesquisa realizada recentemente pela Abrale (Associação Brasileira de Linfoma e Leucemia), com mais de 70 pacientes com MF, revelou que quase um terço (32%) dos casos demoraram mais de dois anos para obter o diagnóstico.

Leia mais em: https://www.folhavitoria.com.br/saude/noticia/11/2019/sintomas-comuns-dificultam-diagnostico-de-tipo-raro-de-cancer

Julgamento de Lula no TRF-4 no caso do sítio de Atibaia

Quem é quem no julgamento de Lula no TRF-4

Julgamento de Lula no TRF-4 no caso do sítio de Atibaia

Acompanhe em tempo real a análise do recurso do ex-presidente Lula na segunda instância.

 

STF quis traçar linha ao repreender Guedes; mercado desconfia de tentativa de impor reformas sob caos

STF quis traçar linha ao repreender Guedes; mercado desconfia de tentativa de impor reformas sob caos

Fez-se a luz Paulo Guedes chamou a atenção de investidores, do Supremo e do Congresso com a fala sobre o AI-5. Floresceu no primeiro grupo avaliação de que, ao perceber que não terá força para aprovar seu programa, o governo tentará criar uma crise para ampliar poderes para além dos limites constitucionais. No STF, a reação de Dias Toffoli foi lida como recado de que tal ideia não pode habitar cabeças que aspiram credibilidade. A conclusão de políticos pode ser resumida assim: “Ele é um ‘olavete’”.

Homem e circunstância A analistas, investidores pontuaram que o ministro da Economia decidiu afirmar que “ninguém deve se assustar” se sugerirem um AI-5 como resposta a protestos logo após sofrer derrota pública: o adiamento da reforma administrativa por interferência direta de Jair Bolsonaro.

Leia mais em: https://painel.blogfolha.uol.com.br/2019/11/27/stf-quis-tracar-linha-ao-repreender-guedes-mercado-desconfia-de-tentativa-de-impor-reformas-sob-caos/