Toffoli autoriza Netflix a voltar a exibir especial de Natal do ‘Porta dos Fundos’

Cena de "A primeira tentação de Cristo", do Porta dos Fundos

Toffoli autoriza Netflix a voltar a exibir especial de Natal do ‘Porta dos Fundos’

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, concedeu, nesta quinta-feira, liminar à Netflix autorizando a volta da exibição do especial de Natal produzido pelo Porta dos Fundos. Ele suspendeu a decisão do desembargador Benedicto Abicair, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, que mandou tirar o programa do ar. Toffoli também concedeu o pedido da empresa para não ser obrigada a exibir mensagem informando que se trata de uma sátira sobre “valores caros e sagrados da fé cristã”, como decidiu o desembargador Cezar Augusto Costa, também do TJ do Rio.

Dias Toffoli durante um seminário
Dias Toffoli durante um seminário Foto: Adriano Machado/Reuters

No recurso apresentado ao STF, a empresa chamou a decisão de “censura judicial” e considerou a revogação necessária para resguardar a liberdade de expressão. Toffoli deu a decisão porque, como presidente da Corte, ele está responsável pelas decisões urgentes durante o recesso. Em fevereiro, quando o tribunal retomar as atividades, o caso será enviado para o gabinete do ministro Gilmar Mendes, sorteado relator do processo. Ele poderá manter a decisão de Toffoli ou revogá-la. Continuar lendo Toffoli autoriza Netflix a voltar a exibir especial de Natal do ‘Porta dos Fundos’

Deputados britânicos dão histórica aprovação ao Brexit

Reação de Boris Johnson depois do resultado da votação do Brexit no Parlamento, em 9 de janeiro de 2020 — Foto: Reprodução de vídeo do Parlamento/ via AFP

Deputados britânicos dão histórica aprovação ao Brexit

Texto teve 330 votos a favor e 231 contra; agora, legislação seguirá para a Câmara dos Lordes e, depois, para a assinatura da rainha. União Europeia deve ratificar saída em 29 de janeiro e saída oficial terá início dois dias depois.

Os parlamentares britânicos deram, nesta quinta-feira (9), sua aprovação final ao texto que permitirá ao Reino Unido começar a deixar a União Europeia em 31 de janeiro em uma votação histórica, após três anos e meio de crise.

A Câmara dos Comuns, amplamente dominada pelo partido do primeiro-ministro conservador Boris Johnson, aprovou o texto com 330 votos a favor. Votaram contra 231 parlamentares.

O texto será agora encaminhado para votação final na Câmara dos Lordes e depois enviado para receber a assinatura da rainha, na próxima semana. O acordo do Brexit, então transformado em lei, deverá ser ratificado pelo Parlamento Europeu em 29 de janeiro, dois dias antes da data final para a saída do bloco.

A decisão do Reino Unido em deixar a União Europeia foi tomada em um plebiscito em 24 de junho de 2016. O resultado da votação provocou a queda do então primeiro-ministro David Cameron. Em seu lugar assumiu Theresa May, encarregada de negociar o Brexit ( uma junção das palavras em inglês “British” e “exit” que significa “saída britânica”).

Leia mais em: https://g1.globo.com/mundo/noticia/2020/01/09/deputados-britanicos-dao-historica-aprovacao-ao-brexit.ghtml

Netflix entra com reclamação no STF para manter Porta dos Fundos no ar

Fábio Porchat vive Orlando, o namorado gay de Jesus (Gregorio Duvivier) no especial do Porta dos Fundos

Netflix entra com reclamação no STF para manter Porta dos Fundos no ar

A Netflix decidiu partir para a ação para manter o especial do Porta dos Fundos no ar. Fontes do Notícias da TV informaram que a plataforma de streaming entrou com uma reclamação constitucional no STF (Supremo Tribunal Federal)

Continuar lendo Netflix entra com reclamação no STF para manter Porta dos Fundos no ar

Geisy Arruda assume que tem fetiche por vídeos pornôs caseiros

Geisy Arruda (Reprodução/Instagram)

Geisy Arruda assume que tem fetiche por vídeos pornôs caseiros

A estrela da sensualidade, Geisy Arruda abriu um espaço do seu Instagram para responder algumas perguntas de seus seguidores. Os fãs que sempre fazem perguntas picantes, mais uma vez causaram, e descobriram o fetiche de Geisy pelos vídeos pornôs caseiros.

Entre uma curiosidade e outra, um perguntador questionou se a musa teria interesse em participar de filmes pornôs, já que a famosa sempre está ligada em assuntos relacionados e polêmicos.

Aplicativo censura vídeo de beijo gay e é acusado de homofobia

Logotipo-TikTok- Foto:divulgação

Aplicativo censura vídeo de beijo gay e é acusado de homofobia

Durante a virada do ano de 2019 para 2020, um usuário utilizou o aplicativo TikTok para postar um vídeo de alguns segundos, beijando seu namorado ao som de “New York New York”, de Frank Sinatra, e logo após, percebeu que o vídeo tinha sido censurado. Agora o homem acusa a plataforma de homofobia.

De acordo com o Poẽ na roda, Mark Pasetsky usuário do aplicativo, após compartilhar o vídeo, recebeu um aviso dizendo que o vídeo tinha sido retirado do ar. O rapaz afirmou ter se sentido censurado e foi tirar satisfações com a administração do aplicativo.

“Imagine o quão devastador é uma rede social afirmando que não é legal você ser quem você é?”, declarou o usuário. Mark ainda questionou a explicação dada pelos administradores sobre a censura que existe no aplicativo, “prevenir bullying”.

Leia mais em: https://observatoriog.bol.uol.com.br/destaque/2020/01/aplicativo-censura-video-de-beijo-gay-e-e-acusado-de-homofobia

Lula rebate Rêgo Barros: um general deve ser porta-voz, não porta-mentiras

Lula e Porta-voz da Presidência da República, Otávio Rêgo Barros

Lula rebate Rêgo Barros: um general deve ser porta-voz, não porta-mentiras

O ex-presidente Lula desmentiu mais uma vez as fake news propagadas por Bolsonaro, que insiste em dizer, através de seu porta voz general Rêgo Barros que Lula incentivou o enriquecimento de urânio pelo Irã. “Um general deve ser porta-voz, não porta-mentiras”, rebateu o ex-presidente em sua conta no Twitter

O ex-presidente Lula usou mais uma vez suas redes sociais para desmentir as fake news propagadas por Jair Bolsonaro, que insiste em dizer, através de seu porta voz general Rêgo Barros que Lula incentivou o enriquecimento de urânio pelo Irã. Mesmo após o ex-presidente divulgar uma nota esclarecendo os fatos,  dizendo que  “Isso jamais existiu. A mentira, reproduzida pelos meios de comunicação, é facilmente desmascarada com uma simples busca no Google”, Bolsonaro e sua equipe insiste na divulgação de inverdades.

Barros insistiu nas fake news e disparou: “Seria muito interessante buscar as informações do governo deste cidadão que está sendo citado na pergunta para verificar quem está mentindo”, afirmou Rêgo Barros como foi publicado no jornal Folha de S.Paulo.

Leia mais em: https://www.brasil247.com/brasil/lula-rebate-rego-barros-um-general-deve-ser-porta-voz-nao-porta-mentiras

“Nunca tive envolvimento com esse cara”, diz Sininho sobre terrorista do Porta dos Fundos que defendeu em 2013

“Nunca tive envolvimento com esse cara”, diz Sininho sobre terrorista do Porta dos Fundos que defendeu em 2013

A ativista Elisa Quadros, conhecida como Sininho, rebate críticas sobre o vídeo em que defendeu a liberdade de quem ela chama de “sujeito fascista” – Eduardo Fauzi Richard Cerquize, que cometeu o atentado contra a produtora do Porta dos Fundos”. Ela destaca que defendeu ele em outro contexto. “Em todo o Brasil, ativistas e militantes estavam sendo perseguidos”

Por Elisa Quadros, especial para a Ponte – Mais uma vez, meu nome é Elisa Quadros e sou uma mulher de esquerda que luta! Começo este texto deixando claro que defendo a liberdade de imprensa, livre manifestação e liberdade de expressão.

Mas também gostaria de entender o porquê de tamanha falta de ética e irresponsabilidade de uma parte do jornalismo e jornalistas brasileiros.

Impressionante como conseguem criar mentiras e difamações que se tornam “verdades”. E o pior de tudo, não se importam com as consequências para as pessoas e coletivos que estão no enredo da história.

Leia mais em: https://www.brasil247.com/brasil/nunca-tive-envolvimento-com-esse-cara-diz-sininho-sobre-terrorista-do-porta-dos-fundos-que-defendeu-em-2013-rdzrn0se#.XhdJMmrERH8.twitter

Toffoli volta atrás e mantém redução no valor do seguro DPVAT; veja os valores

Toffoli reconsidera decisão e mantém redução do DPVAT

Toffoli reconsidera decisão e mantém redução do DPVAT

Toffoli volta atrás e mantém redução no valor do seguro DPVAT; veja os valores

Presidente do Supremo Tribunal Federal havia suspendido decisão de baixar o valor. Ministro reconsiderou após receber argumentação da União.

O ministro Dias Toffoli, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), reconsiderou nesta quinta-feira (9) sua própria decisão e autorizou a resolução do Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP) que prevê a redução dos valores do seguro DPVAT em 2020.

Os valores reduzidos haviam sido divulgados no dia 27 de dezembro pelo conselho, vinculado ao Ministério da Economia. No dia 31, o ministro, plantonista do Supremo durante o recesso, suspendeu a norma a pedido da seguradora Líder, responsável por administrar o seguro obrigatório.

No pedido de reconsideração, a União argumentou que a seguradora omitiu “a informação de que há disponível no fundo administrado pelo consórcio, atualmente, o valor total de R$ 8,9 bilhões, razão pela qual, mesmo que o excedente fosse extinto de imediato, ainda haveria recursos suficientes para cobrir as obrigações do seguro DPVAT”.

Leia mais em: https://g1.globo.com/politica/noticia/2020/01/09/toffoli-reconsidera-decisao-e-restabelece-resolucao-que-reduziu-seguro-dpvat.ghtml