Tudo para evangélicos é suor, e Bolsonaro ecoa sentimento, diz líder da Assembleia de Deus

Pastor Samuel Camara, em Belém (PA)

Tudo para evangélicos é suor, e Bolsonaro ecoa sentimento, diz líder da Assembleia de Deus.

Para pastor que é irmão do representante da bancada na Câmara, presidente pode ter ‘forma absolutista de se expressar’, mas dá atenção

Leia mais em: https://www1.folha.uol.com.br/poder/2020/01/tudo-para-evangelicos-e-suor-e-bolsonaro-ecoa-sentimento-diz-lider-da-assembleia-de-deus.shtml

Boninho nega cachê extra para famosos no ‘BBB 20’: ‘Condições iguais’

BBB - montagem - Divulgação/TV Globo

Boninho nega cachê extra para famosos no ‘BBB 20’: ‘Condições iguais’

Desde que os participantes da 20ª edição do Big Brother Brasil foram anunciados, a internet ficou em polvorosa com a presença de famosos no reality show. E junto com os nomes divulgados no último sábado (18), internautas especularam que para aceitar entrar no programa as celebridades receberam um grande cachê.
Mas o diretor da atração, Boninho fez questão de desmentir o boato e afirmou que ambos os grupos, famosos e anônimos, estão sob as mesmas condições e não houve cachê extra para os rostos já conhecidos do público.

Continuar lendo Boninho nega cachê extra para famosos no ‘BBB 20’: ‘Condições iguais’

Weintraub diz que erros se concentram em 4 cidades e amplia prazo do Sisu

Ministro da Educação, Weintraub repediu diversas vezes que o primeiro Enem sob sua gestão foi o "melhor de todos os tempos" - PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA via BBC

Weintraub diz que erros se concentram em 4 cidades e amplia prazo do Sisu

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, afirmou na tarde de hoje que 95% dos erros em notas do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), identificados no fim de semana, se concentraram em quatro cidades de Minas e Bahia.
Em vídeo publicado nas redes sociais, Weintraub explicou que o erro atingiu seis mil inscrições e que teria sido provocado no momento da impressão.
“O problema basicamente [ocorreu] na hora da impressão [da prova], que a máquina pulou, e não na hora de contabilizar [a nota]”, disse ele.

Agência com mais verbas do Planalto é também cliente de Wajngarten

Fabio Wajngarten

A Artplan, que contrata a FW, empresa de Fábio Wajngarten, recebeu da secretaria R$ 70 milhões entre 12 de abril e 31 de dezembro de 2019, 36% mais do que o pago no mesmo período do ano anterior

O escândalo em torno da Secom, cujo secretário Fábio Wajngarten foi flagrado num esquema de conflito de interesses por pagar veículos de comunicação, como Band e Record, e também ser remunerado por eles, ganhou novo elemento nesta segunda-feira. A agência publicidade que mais recebe recursos da Secom, a Artplan, também é cliente da FW, empresa do secretário.

Sob o comando de Wajngarten, a agência recebeu da secretaria R$ 70 milhões entre 12 de abril e 31 de dezembro de 2019, 36% mais do que o pago no mesmo período do ano anterior (R$ 51,5 milhões), aponta reportagem de Fábio Fabrini e Júlio Wiziack, publicada na Folha de S. Paulo.

Leia mais em: https://www.brasil247.com/regionais/brasilia/agencia-com-mais-verbas-do-planalto-e-tambem-cliente-de-wajngarten

Após erro na correção do Enem 2019, participantes temem perder vagas nas universidades federais

Participantes do Enem 2019 relatam problemas na correção do exame — Foto: Reprodução/Twitter

Após erro na correção do Enem 2019, participantes temem perder vagas nas universidades federais

Bolsonaro vai ao Rio se encontrar com Regina Duarte

Bolsonaro vai ao Rio se encontrar com Regina Duarte

O presidente Jair Bolsonaro embarca na manhã desta segunda-feira ao Rio de Janeiro, onde deve se encontrar com a atriz Regina Duarte, convidada por ele para assumir a gestão da cultura no governo federal. Bolsonaro estuda recriar o Ministério da Cultura para acolher a atriz. A leitura no governo é que o nome dela é poderoso demais para ocupar apenas uma secretaria, status atual da pasta, que é subordinada ao Ministério do Turismo.

O comando da cultura está vago desde a última sexta-feira, 17, quando Bolsonaro cedeu a pressões e demitiu o dramaturgo Roberto Alvim, que parafraseou em discurso o nazista Joseph Goebbels. Ao jornal O Estado de S. Paulo, Alvim disse que, apesar da origem espúria, assina embaixo da frase “perfeita”.

Leia mais em: https://istoe.com.br/bolsonaro-vai-ao-rio-se-encontrar-com-regina-duarte/