MP de Bolsonaro autoriza suspensão de contrato de trabalho por 4 meses

Resultado de imagem para MP de Bolsonaro autoriza suspensão de contrato de trabalho por 4 meses

MP de Bolsonaro autoriza suspensão de contrato de trabalho por 4 meses

Empresa será obrigada a dar curso online, sem pagar salário, e não haverá bolsa-qualificação com recursos do FAT, diz advogada

Leia mais em: https://www1.folha.uol.com.br/mercado/2020/03/mp-de-bolsonaro-suspende-contrato-de-trabalho-por-4-meses.shtml Continuar lendo MP de Bolsonaro autoriza suspensão de contrato de trabalho por 4 meses

Panelaço: Descontentamento com Bolsonaro na pandemia pode levar país a pior crise

Descontentamento com Bolsonaro na pandemia pode levar país a pior crise

Descontentamento com Bolsonaro na pandemia pode levar país a conflagração, diz Eduardo Giannetti

Economista e filósofo vê risco de privação material gravíssima com o coronavírus e início de nova onda de descontentamento social

Leia mais em: https://www1.folha.uol.com.br/mercado/2020/03/descontentamento-contra-bolsonaro-na-pandemia-pode-levar-pais-a-conflagracao-diz-eduardo-giannetti.shtml

Avaliação de Bolsonaro na gestão da crise é muito pior que a de governadores e ministério, diz Datafolha

O presidente Bolsonaro e o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, em entrevista coletiva no Palácio do Planalto

Avaliação de Bolsonaro na gestão da crise é muito pior que a de governadores e ministério, diz Datafolha

Presidente atua bem contra a pandemia para 35%, enquanto chefes estaduais têm aprovação de 54%, e Ministério da Saúde, de 55%

Leia mais em: https://www1.folha.uol.com.br/poder/2020/03/avaliacao-de-bolsonaro-na-gestao-da-crise-e-muito-pior-que-a-de-governadores-e-ministerio-diz-datafolha.shtml

Bolsonaro manda repórter “às favas” ao ser questionado sobre Datafolha

13.mar.2020 - O presidente Jair Bolsonaro - Mateus Bonomi/AGIF/Estadão Conteúdo

Bolsonaro manda repórter “às favas” ao ser questionado sobre Datafolha

Bolsonaro manda repórter “às favas” ao ser questionado sobre Datafolha

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) criticou hoje a pesquisa Datafolha que mostra que a avaliação dele na gestão da crise do novo coronavírus é muito pior que a de governadores e do ministério da Saúde, chefiado por Luiz Henrique Mandetta.
Bolsonaro mandou a repórter “às favas”, chamou a pergunta de “impatriótica” e questionou a veracidade da pesquisa em conversa com os jornalistas na portaria do Palácio da Alvorada nesta manhã.

Bolsonaro prevê milhões de desempregados e diz que povo está sendo enganado sobre coronavírus

Bolsonaro prevê milhões de desempregados e diz que povo está sendo enganado sobre coronavírus

Bolsonaro prevê milhões de desempregadose diz que povo está sendo enganado sobre coronavírus

Ao se dar conta de que seu desgoverno será marcado por uma catástrofe sanitária e econômica, Jair Bolsonaro decidiu atacar a imprensa e os governadores

Em mais uma entrevista irresponsável, desta vez à TV Record, Jair Bolsonaro voltou a minimizar a pandemia de coronavírus, afirmou que as pessoas “em breve” perceberá que “está sendo enganado”.

Leia Também:

Economia global vai sofrer anos até se recuperar do impacto da pandemia, afirma OCDE

Declare seu imposto de renda sem sair de casa

“Brevemente o povo saberá que foi enganado por esses governadores e por grande parte da mídia nessa questão do coronavírus”, disse em entrevista à TV Record, veiculada na noite deste domingo.

“Espero que não venham me culpar lá na frente pela quantidade de milhões e milhões de desempregados na minha pessoa”, acrescentou.

Ele também chamou os governadores de “exterminadores de empregos” por decretarem medidas restritivas de circulação de pessoas, a exemplo do que vem adotando todos os países.

“Não podemos exterminar empregos, senhores governadores. Sejam responsáveis. Nós estamos fazendo a coisa certa, seguindo os protocolos, com responsabilidade”, criticou.

Sobre os panelaços, disse que “foram estimulados pela Globo, endossado pela revista Veja, entre outros órgãos de imprensa”.

Economia global vai sofrer anos até se recuperar do impacto da pandemia, afirma OCDE

Organization for Economic Cooperation and Development (OECD) Secretary-General Angel Gurria.

Economia global vai sofrer anos até se recuperar do impacto da pandemia, afirma OCDE

Economia global vai sofrer anos até se recuperardo impacto da pandemia, afirma OCDE

Angel Gurría, secretário-geral da entidade, afirmou em entrevista à BBC que o choque econômico já é maior do que a crise financeira de 2008 ou a de 2001, após os ataques de 11 de Setembro. Um crescimento global previsto para este ano de 1,5%, disse, já soa otimista demais. Continuar lendo Economia global vai sofrer anos até se recuperar do impacto da pandemia, afirma OCDE

Coronavírus: Bolsonaro edita MP que permite suspensão de contrato de trabalho por 4 meses

MP flexibiliza regras trabalhistas para reduzir impacto da crise da Covid-19 na economia

Coronavírus: Bolsonaro edita MP que permite suspensão de contrato de trabalho por 4 meses

Coronavírus: Bolsonaro edita MP que permite suspensão de contrato de trabalho por 4 meses

Medida entra em vigor imediatamente, mas precisa ser aprovada pelo Congresso em até 120 dias. Texto prevê acordos individuais entre patrões e profissionais acima das leis trabalhistas. Continuar lendo Coronavírus: Bolsonaro edita MP que permite suspensão de contrato de trabalho por 4 meses