Heleno confirma à PF troca no GSI e fragiliza linha da defesa de Bolsonaro

Ministro do GSI, Augusto Heleno - Adriano Machado

Heleno confirma à PF troca no GSI e fragiliza linha da defesa de Bolsonaro

O ministro do GSI (Gabinete de Segurança Institucional), Augusto Heleno, confirmou em ofício à Polícia Federal que foi feita pelo menos uma substituição no comando da segurança do presidente Jair Bolsonaro em março passado, antes da reunião ministerial de 22 de abril.
A informação enfraquece a linha da defesa presidencial no inquérito que investiga as denúncias do ex-ministro Sergio Moro (Justiça e Segurança Pública) de suposta interferência na PF. Bolsonaro e a AGU (Advocacia Geral da União) haviam dito que, ao se referir na reunião ministerial de 22 de abril sobre trocas no Rio de Janeiro, o presidente falava sobre a segurança de familiares e amigos, não sobre a Superintendênc.

Procurada Uninove não quis se manifestar e deixa alunos revoltados, puro descaso diz aluna

Uninove promove demissão em massa de professores

Procurada Uninove não quis se manifestar e deixa alunos revoltados, puro descaso diz aluna. A Uninove demitiu mais de 300 professores por pop-up, os docentes acessaram a plataforma para aula online e se depararam com a demissão. Sindicato entrou com ação na Justiça do Trabalho

“Hoje pela manhã, quando iria entrar na plataforma da universidade, havia um aviso. Isso, um pop-up comunicando que eu não fazia mais parte da instituição…”, declarou um professor que não quis se indentificar. Continuar lendo Procurada Uninove não quis se manifestar e deixa alunos revoltados, puro descaso diz aluna

Moraes determina que posts sobre atos antidemocráticos não sejam apagados

Apoiadores de Bolsonaro voltaram a exibir faixas com pedidos inconstitucionais anteontem em Brasília - Adriano Wilkson

Moraes determina que posts sobre atos antidemocráticos não sejam apagados

O ministro do STF (Superior Tribunal Federal), Alexandre de Moraes, retirou ontem o sigilo da sua decisão que permitiu a realização de operações policiais para investigar a organização e financiamento de atos antidemocráticos. Nela, o magistrado incluiu uma determinação para que postagens de parlamentares sobre as manifestações não possam ser apagadas e, consequentemente, perdidas pela rede social onde foram postadas. Moraes fez um pedido especial endereçado ao Twitter, onde diversos parlamentares bolsonaristas fizeram comentários e chamamentos para as manifestações realizadas em 19 de abril, que são o principal foco do inquérito iniciado pela (PGR) Procuradoria-Geral da Repúbli..

Polícia faz buscas em casa de parentes de Queiroz para localizar sua mulher

Ex-servidora da Alerj e esposa de Fabrício Queiroz, Márcia Oliveira de Aguiar - Reprodução

Polícia faz buscas em casa de parentes de Queiroz para localizar sua mulher

Membros do MP-MG (Ministério Público de Minas Gerais), com apoio da Polícia Militar, realizam buscas em uma casa de parentes de Fabrício Queiroz, ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), na manhã de hoje, no bairro São Bernardo, região norte de Belo Horizonte. A operação é realizada em parceria com o MP do Rio de Janeiro e tem o objetivo de localizar Márcia Oliveira de Aguiar, mulher de Queiroz, que está foragida desde a semana passada, quando seu marido foi preso em Atibaia (inteiro de São Paulo). Ela não foi localizada..

Revolta online UNINOVE demite mais de 300 professores sem aviso prévio e via pop-up

A Universidade Nove de Julho, uma das maiores instituições privadas de ensino do Brasil, foi alvo de protestos online na noite desta segunda-feira e manhã de terça (23) depois que foi divulgada a notícia de que ela teria realizado demissões em massa de professores. Segundo a União Nacional dos Estudantes (UNE), mais de 300 professores teriam sido demitidos. Questionada pela reportagem do Yahoo, a Uninove não havia respondido até o fechamento desta nota confirmando o número de demitidos. Continuar lendo Revolta online UNINOVE demite mais de 300 professores sem aviso prévio e via pop-up