Dudu Camargo nega envolvimento em desaparecimento de casal e critica cobertura da Record

Dudu Camargo

Dudu Camargo nega envolvimento em desaparecimento de casal e critica cobertura da Record

“Em nenhum momento tive participação nesse desaparecimento, e estou à disposição para a polícia para o que der e vier”, manifestou o apresentador do SBT

O apresentador do SBT Dudu Camargo, que nesta quinta-feira (9) recebeu uma intimação policial para dar esclarecimentos sobre o desaparecimento de um casal de fãs dele, negou qualquer envolvimento com o caso nesta sexta-feira (10), segundo o portal F5.

Ele também criticou a cobertura do Cidade Alerta, da Record, que, segundo ele, incentivou a família do casal a procurar a polícia com o objetivo de poder abordar o caso no programa policial.

“Em nenhum momento tive participação nesse desaparecimento, e estou à disposição para a polícia para o que der e vier. Eu trabalho com esse tipo de caso todos os dias, jamais seria hipócrita de ir lá na televisão defender parente de desaparecido, e depois ia cometer uma atrocidade contra jovens”, declarou Dudu Camargo no programa A Tarde É Sua, da Rede TV!.

Leia mais em: https://www.brasil247.com/geral/dudu-camargo-nega-envolvimento-em-desaparecimento-de-casal-e-critica-cobertura-da-record

Pastor Milton Ribeiro no MEC: a vitória da bancada evangélica

Foto: (Reprodução/Redes sociais)

Pastor Milton Ribeiro no MEC: a vitória da bancada evangélica

A decisão do presidente Jair Bolsonaro de anunciar o pastor Milton Ribeiro como novo ministro da Educação significa uma vitória expressiva da bancada evangélica, que pressionava pela vaga.

A nomeação foi rapidamente publicada no “Diário Oficial”, na tarde desta sexta-feira (10), depois de dois convites fracassados:

  • Carlos Alberto Decotelli, que ficou apenas cinco dias nomeado e sequer tomou posse diante dos questionamentos sobre o currículo;
  • Renato Feder, que, fritado publicamente, comunicou pelas redes sociais que recusara o convite.

Milton Ribeiro é integrante da Comissão de Ética Pública da Presidência, nomeado por Bolsonaro em maio do ano passado.

Pastor Milton Ribeiro é o novo ministro da Educação

Continuar lendo Pastor Milton Ribeiro no MEC: a vitória da bancada evangélica

Currículo do novo Ministro da Educação está desatualizado

Em seu currículo lattes, atualizado pela última vez em abril de 2019, Ribeiro informa ter graduação em Teologia e em Direito - Reprodução

Currículo do novo Ministro da Educação está desatualizado na plataforma lattes, a última atualização foi em Abril de 2019.  Pós-graduação em Velho Testamento não existe reconhecido pelo MEC, somente curso livre de cunho de aprendizado, além de outros cursos que faz menção.  Sendo assim, para o cargo é de suma importância atualizar seu currículo na plataforma lattes. Continuar lendo Currículo do novo Ministro da Educação está desatualizado

Rotina de ataques na ONU contra Bolsonaro se transforma em “novo normal”

O presidente da República Jair Bolsonaro fala durante abertura da 74ª Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU) em Nova York nos Estados Unidos em 2019 - William Volcov/Brazil Photo Press/Folhapress

Rotina de ataques na ONU contra Bolsonaro se transforma em “novo normal”

Para alguns, o novo normal é trabalhar de casa, entre crianças, pratos e roupas a lavar. Para outros, o novo normal é se locomover em bicicleta. Mas para a diplomacia brasileira na ONU, o novo normal é a rotina de denúncias que vêm sendo alvo. Acusações se proliferam contra o Brasil por sua resposta à pandemia, violência contra indígenas, desmonte de políticas ambientais, corte de recursos para saúde e educação, violência policial e tantos outros temas. Apenas nesta quinta-feira, cinco diferentes queixas foram apresentadas contra o governo que, em Genebra, é representado pela embaixadora Maria Nazareth Farani Azevedo. Se foi durante os anos do governo Lula que ela assumiria..

Continuar lendo Rotina de ataques na ONU contra Bolsonaro se transforma em “novo normal”

Apoio da cúpula da CNN a Coppola explica saída de Botelho do Grande Debate

Augusto de Arruda Botelho, Monalisa Perrone e Caio Coppolla no Grande Debate, da CNN Brasil  - Reprodução / Internet

Apoio da cúpula da CNN a Coppola explica saída de Botelho do Grande Debate

Para entender a saída de Augusto de Arruda Botelho do quadro “O Grande Debate” é preciso voltar ao programa de terça-feira (07), no qual ele acusou o seu oponente, Caio Coppola, de divulgar fake news sobre a pandemia de coronavírus. Na quarta (08), Coppola usou o tempo inicial que dispunha para responder à acusação do advogado criminalista. Falou por sete minutos em defesa da sua honra, criticando Botelho. Em seguida, sucintamente, seu oponente reconheceu que errou. “O que você faz é falácia argumentativa, não é fake news”, disse Botelho.

Governo chama bancada da bala para discutir recriação de ministério

Kleyton Amorim/UOL

Governo chama bancada da bala para discutir recriação de ministério

O ministro André Mendonça (Justiça e Segurança Pública) pediu uma reunião com a bancada da bala para discutir a recriação do Ministério da Segurança Pública. Há um mês, os parlamentares se encontraram com Jair Bolsonaro (sem partido) para falar sobre esse assunto.
A nova agenda deve ser na próxima quinta-feira (16), e o ministro Braga Netto (Casa Civil) também participará das discussões. O encontro estava marcado para ontem (9), mas foi reagendado após Bolsonaro testar positivo para o novo coronavírus. Mendonça teve contato direto com o presidente e por precaução suspendeu a reunião. Ele já informou que testou negativo para doença..

Bolsonaro assina MP de R$ 3 bilhões para cultura e auxílio aos artistas

Presidente Jair Bolsonaro ao lado de Mário Frias, secretário de Cultura; artistas informais receberão três parcelas de R$ 600  - Instagram

Bolsonaro assina MP de R$ 3 bilhões para cultura e auxílio aos artistas

O presidente Jair Bolsonaro (SEM PARTIDO) editou a Medida Provisória 990, que prevê um repasse da União para estados, municípios e o Distrito Federal de R$ 3 bilhões para o pagamento de auxílios financeiros para o setor da cultura. A publicação saiu na madrugada de hoje no DOU (Diário Oficial da União). O repasse bilionário será feito em parcela única, segundo o texto..