Currículo do novo Ministro da Educação está desatualizado

Em seu currículo lattes, atualizado pela última vez em abril de 2019, Ribeiro informa ter graduação em Teologia e em Direito - Reprodução

Currículo do novo Ministro da Educação está desatualizado na plataforma lattes, a última atualização foi em Abril de 2019.  Pós-graduação em Velho Testamento não existe reconhecido pelo MEC, somente curso livre de cunho de aprendizado, além de outros cursos que faz menção.  Sendo assim, para o cargo é de suma importância atualizar seu currículo na plataforma lattes.

Como constatou a reportagem do portal Uol.

Pastor presbiteriano, Ribeiro é membroda Comissão de Ética Pública, ligada à Presidência da República. Foi nomeado por Bolsonaro para o cargo em maio de 2019. Seu mandato na comissão vai até 2022. Em seu currículo lattes, atualizado pela última vez em abril de 2019, Ribeiro informa ter graduação em Teologia e em Direito. Também diz ser mestre em Direito pela Universidade Presbiteriana Mackenzie e doutor em Educação pela USP (Universidade de São Paulo). Além disso, diz ter especialização em Velho Testamento pelo Centro Teológico Andrew Jumper, em Teologia do Velho Testamento pelo Mackenzie, em Gestão Universitária pelo CRUB (Conselho de Reitores das Universidades Brasileiras)..
O professor e pastor Milton Ribeiro aceitou o convite de Jair Bolsonaro (sem partido) para assumir o comando do MEC (Ministério da Educação). A informação foi confirmada ao UOL por um ministro próximo ao presidente e divulgada por Bolsonaro em suas redes sociais. (Veja a publicação abaixo) Ele chega ao ministério com bom trânsito entre os evangélicos e já era cotado para o posto antes mesmo de Weintraub assumir.
Seu nome foi oficializado minutos após a postagem de Bolsonaro, em edição extra do DOU (Diário Oficial da União) publicada nesta sexta-feira (10).

– Indiquei o Professor Milton Ribeiro para ser o titular do Ministério da Educação.

– Doutor em Educação pela USP, mestre em Direito pela Universidade Presbiteriana Mackenzie e graduado em Direito e Teologia.

– Desde maio de 2019, é membro da Comissão de Ética da Presidência da República.

 

Foto do perfil de Fernanda Melchionna
Fernanda Melchionna
@fernandapsol

Com nomeação do pastor Milton Ribeiro para o Min. da Educação, Bolsonaro agrada ala ideológica que o suporta. Em um governo autoritário, ter doutorado em Educação não é garantia de bom trabalho. Para o autoritarismo, o pensamento crítico e a educação para emancipação são ameaças.
Twitter · 3 min atrás
Foto do perfil de DW Brasil
DW Brasil
@dw_brasil

Milton Ribeiro é pastor da Igreja Presbiteriana e tem ligação com a Universidade Mackenzie. Após passagem relâmpago de Decotelli, ele será o quarto ministro a comandar o MEC em um ano e meio de governo Bolsonaro. p.dw.com/p/3f8vq
Twitter · 5 min atrás
Foto do perfil de Meio
Meio
@canalmeio

Bolsonaro nomeou o pastor Milton Ribeiro para comandar o MEC – via @folha www1.folha.uol.com.br/e…
Twitter · 6 min atrás

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s