Líbano: dirigente de extrema-direita morre em explosão no porto de Beirute

Nazar Najarian

Líbano: dirigente de extrema-direita morre em explosão no porto de Beirute

FórumA rede de televisão árabe Al Arabiya informou que um importante político libanês foi uma das vítimas da explosão no Porto de Beirute, ocorrida nesta terça-feira (4).

Se trata de Nazar Najarian, que era secretário-geral do partido Kata´ib (Falanges Libanesas), um dos mais destacados partidos de direita no país, de ideologia ultraconservadora, nacionalista e antipalestina.

Segundo as informações do canal árabe, Najarian morreu “devido aos ferimentos graves que teve após a explosão. Chegou a ser atendido por médicos, e levado a um hospital, onde permaneceu em coma por pouco mais de uma hora, até o seu falecimento”.

Leia mais em: https://www.brasil247.com/mundo/libano-dirigente-de-extrema-direita-morre-em-explosao-no-porto-de-beirute

Carolina Ferraz processa globo e valor de indenização pode ultrapassar 25 milhões

Carolina Ferraz no Domingo Espetacular - Foto: Reprodução

Carolina Ferraz processa globo e valor de indenização pode ultrapassar 25 milhões,

A jornalista e atriz Carolina Ferraz quebrou o silêncio sobre o Domingo Espetacular, que apresenta na Record, e polêmica envolvendo a globo.

Chaves sai do ar e abre um buraco na grade do SBT e no coração do telespectador

Reprodução

Chaves sai do ar e abre um buraco na grade do SBT e no coração do telespectador

Esta semana o nosso colunista Ricardo Feltrin opina sobre o fim do contrato do SBT para exibir “Chaves”. Meigo, raro conteúdo que agrada a todas as idades, a série já está na história da TV (mundial)… –

Continuar lendo Chaves sai do ar e abre um buraco na grade do SBT e no coração do telespectador

Justiça identifica donos de perfis que comemoraram a morte do neto de Lula

Ex-presidente Lula em entrevista ao canal Al Jazeera[Reprodução/AlJazeera] - Ex-presidente Lula em entrevista ao canal Al Jazeera[Reprodução/AlJazeera]

Justiça identifica donos de perfis que comemoraram a morte do neto de Lula

A Justiça paulista identificou os autores de textos na internet que comemoraram a morte de Arthur, neto do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que faleceu em março do ano passado aos sete anos. Alessandra Strutzel, que se dizia blogueira e escreveu “pelo menos uma boa notícia”, ao compartilhar uma reportagem sobre o falecimento do garoto, era um falso perfil no Facebook.