Arquivo da tag: contudo

Empresária é morta por namorado policial; “Ele passava segurança”, diz irmã

A empresária Ana Kátia Silva - Arquivo pessoal

Empresária é morta por namorado policial; “Ele passava segurança”, diz irmã

Empreendedora do ramo de eventos, a empresária Ana Kátia Silva, 46, virou referência em Macapá. De um pequeno negócio, com capacidade para atender apenas 50 pessoas, ela expandiu seu empreendimento para festas com até 4.000 convidados. A trajetória de sucesso, contudo, foi tragicamente interrompida no dia 8 de julho, quando Kátia foi morta com um tiro no peito, disparado pelo namorado, o policial civil Leandro Freitas, de 29 anos, segundo testemunhas. O inquérito da Delegacia de Crimes Contra a Mulher trata o caso como feminicídio. A defesa alega que o tiro foi acidental.

Continuar lendo Empresária é morta por namorado policial; “Ele passava segurança”, diz irmã

Copom se reúne nesta quarta, e crise do coronavírus faz mercado prever novo corte dos juros

Governo pede ao Congresso para reconhecer estado de calamidade pública

Governo pede ao Congresso para reconhecer estado de calamidade pública

Copom se reúne nesta quarta, e crise do coronavírus faz mercado prever novo corte dos juros

Analistas do mercado financeiro estimam redução de 0,25 ponto percentual, baixando a Selic de 4,25% para 4% ao ano. Governo pedirá ao Congresso para ser autorizado a não cumprir meta fiscal.

O Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) se reunirá nesta quarta-feira (17) e, diante da crise provocada na economia pelo novo coronavírus, os analistas do mercado financeiro preveem que haverá um novo corte na taxa básica de juros.

A Selic está em 4,25% ao ano, o menor percentual desde 1999, quando entrou em vigor o regime de metas para a inflação.

Para a maioria dos analistas do mercado, a taxa deve cair 0,25 ponto percentual, chegando a 4% ao ano. Os analistas dos bancos preveem, contudo, uma diminuição ainda maior, de 0,5 ponto percentual, deixando a Selic em 3,75% ao ano. A decisão do BC será anunciada às 18h.

Leia mais em: https://g1.globo.com/economia/noticia/2020/03/18/copom-se-reune-nesta-quarta-e-crise-do-coronavirus-faz-mercado-prever-novo-corte-dos-juros.ghtml

“Quero começar bem o ano”, diz Bolsonaro no primeiro dia de 2020

Thiago S. Araújo/ Especial para o Metrópoles

“Quero começar bem o ano”, diz Bolsonaro no primeiro dia de 2020

Presidente, que antecipou o retorno da viagem a Aratu, usava uma camisa do Cascavel. Ele não quis falar com a imprensa

O presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), disse que quer “começar bem o ano”, após se negar a falar com a imprensa, em frente ao Palácio do Alvorada, na manhã desta quarta-feira (01/01/2020).

Bolsonaro deixou o local acompanhado do comboio presidencial para cumprimentar os apoiadores que o aguardavam no local.

O presidente estava vestido com a camisa do time Cascavel FC, que recebeu recentemente o patrocínio de seu fiel aliado, Luciano Hang, dono da Havan.

A camisa, contudo, não estava “atualizada”. Isso porque o número da blusa era 17 — número do PSL, partido pelo qual se elegeu. Mas, após atritos com o presidente da sigla, Luciano Bivar (PE), decidiu se desfiliar da legenda.

Se o futuro partido de Bolsonaro, o Aliança pelo Brasil, for oficializado, o número será 38.

Leia mais em: https://www.metropoles.com/brasil/quero-comecar-bem-o-ano-diz-bolsonaro-no-primeiro-dia-de-2020

No 4º dia de discussão, Câmara deve analisar 8 destaques da reforma hoje

Depois de aprovada a reforma da Previdência, sai de cena o presidencialismo de coalizão e entra o parlamentarismo branco

No 4º dia de discussão, Câmara deve analisar 8 destaques da reforma hoje

A Câmara dos Deputados encerrou às 2h da madrugada desta sexta-feira, 12 de julho, a sessão que analisava os destaques da reforma da Previdência. O plenário não conseguiu analisar todas as sugestões de alterações ao texto-base. Ainda faltam oito destaques, que devem ser apreciados em sessão desta sexta. O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), marcou uma nova sessão para as 9h da manhã.

Leia mais em: https://istoe.com.br/camara-altera-3-pontos-do-texto-base-da-previdencia-analise-continua-nesta-sexta/ Continuar lendo No 4º dia de discussão, Câmara deve analisar 8 destaques da reforma hoje

10 maneiras de pagar menos Imposto de Renda ou aumentar a sua restituição

Imposto de Renda 2017

10 maneiras de pagar menos Imposto de Renda ou aumentar a sua restituição

É possível deduzir taxas de rendimentos, dividir a declaração de aluguéis e incluir tipos de gastos que ajudam a reduzir a base de cálculo do IR

São Paulo – O prazo para a entrega da declaração do Imposto de Renda 2019 vai até 30 de abril e mais de 13 milhões de contribuintes já acertaram as contas com o Leão. Se você ainda não enviou suas informações à Receita, saiba que algumas regras pouco conhecidas podem te ajudar a ganhar uma restituição maior ou ao menos reduzir o imposto a pagar. Continuar lendo 10 maneiras de pagar menos Imposto de Renda ou aumentar a sua restituição

IRPF 2019 Como declarar compra de imóveis financiado ou quitado?

IRPF 2019 Como declarar compra de imóveis financiado ou quitado? Como declarar no IR 2019 imóveis financiados ou comprados à vista e como informar o bem caso ele tenha sido comprado com outra pessoa. O Contador e Consultor Valdivino Sousa, da Alves Contabilidade e Consultoria, esclarece as dúvidas sobre IRPF 2019 no que se refere às operações como a compra, venda, doação e posse de imóveis, como devem ser declaradas no Imposto de Renda 2019. Por exemplo, um imóvel financiado, um imóvel quitado, um imóvel doado. Veja a seguir e fique por dentro como declarar. Continuar lendo IRPF 2019 Como declarar compra de imóveis financiado ou quitado?

O governo Temer e a desnacionalização do pré-sal e da Embraer

meirelles.jpg

O governo Temer e a desnacionalização do pré-sal e da Embraer

Se o projeto neoliberal de PMDB e PSDB vencer em 2018, talvez nos reste apostar em qual será a próxima empresa brasileira a ser desnacionalizada

Não é de hoje que o PMDB nacionalista de Ulysses Guimarães e Severo Gomes aderiu à globalização e ao neoliberalismo. Há, porém, uma diferença entre o governo liderado por Michel Temer e Henrique Meirelles e os transformismos anteriores.

Na década de 1990, o partido foi coadjuvante do PSDB nos sonhos globalizantes, mas a adesão parecia motivada mais pelos pedágios da governabilidade do que por uma adesão genuína ao credo neoliberal.

Em 2015, contudo, o novo programa do PMDB, “Uma ponte para o Futuro”, anunciou em grande estilo uma adesão radical ao neoliberalismo. Enquanto Donald Trump e o Brexit anunciavam novas fissuras na globalização, o PMDB jurava que “a globalização é o destino das economias que pretendem crescer”.

Continuar lendo O governo Temer e a desnacionalização do pré-sal e da Embraer