Arquivo da tag: Explica

Enem 2019: saiba o que mais cai em Matemática entre as 45 questões

Valdivinosousamat

Equações, geometria e porcentagem estão entre os principais temas abordados.  Nas 45 questões estão Equações de primeiro e segundo grau são os principais temas cobrados. A prova será aplicada nos dias 3 e 10 de novembro. O cartão com os locais de prova do Enem foi divulgado no dia 16 de outubro.

Segundo o Matemático Valdivino Sousa a prova cobra 45 questões de matemática entre elas estão incluso no conteúdo Matemática e suas Tecnologias. Além disso, o Enem cobra mais 45 questões de Ciências da Natureza como: Química, Física e Biologia.

Falta menos de um mês para a prova, “os assuntos de matemática que foram mais cobrados nas últimas edições do Enem (2014-2018), englobam assuntos variados, ou seja, a prova faz um apanhando, e por isso é muito importante o aluno familiarizar respondendo questões de anos anteriores, sobre os principais temas exigidos”. Explica Valdivino Sousa.

foto28

Veja os temas mais cobrados

Nas provas de matemática dos últimos cinco anos, as principais matrizes de conhecimento cobradas foram as seguintes:

  • Equações de 1º e 2º graus: 17%
  • Grandezas proporcionais e médias algébricas: 14%
  • Porcentagem e matemática financeira: 11%
  • Funções: 6%
  • Noções básicas de estatística: 6%
  • Probabilidade 6%
  • Área de figuras planas e polígonos: 5%

A prova de Matemática costuma ser uma das mais temidas pelos alunos, especialmente no Enem, como já mencionado são 45 questões da disciplina. No entanto, a prova apresenta questões com vários níveis de dificuldade, e as perguntas realmente complicadas são mais raras.

A prova é forrada de gráficos, tabelas, esquemas e infogramas que devem ser interpretados com cuidado, mas, muito se engana quem acredita que se trata somente de uma prova de interpretação, a análise dos dados apresentados é constante na prova, mas não é suficiente sem as aplicações de conhecimentos específicos.

Os conhecimentos específicos que a prova cobra são menos “cabeludos” do que se imagina. “Podemos dizer que 99% das perguntas englobam conteúdo do nono ano do Ensino Fundamental e primeiro ano do Ensino Médio”, afirma o Matemático Valdivino Sousa. “Logaritmo já caiu na prova e exigiu que o candidato soubesse de cor suas propriedades, mas foi uma exceção”, diz.

Funções de 1° e 2° graus

As questões de função podem aparecer com as mais variadas abordagens. No exemplo, a expressão f(x) (que indica a função) já aparece de cara na questão, sem exigir que o aluno faça maior esforço para decifrar qual operação será usada. No entanto, esse tipo de questão não é recorrente. Normalmente, o enunciado propõe uma situação em que o uso da função será necessário, mas sem deixar claro no texto.

Progressão aritmética e geométrica

Com a progressão aritmética (PA) e a geométrica (PG), acontece uma situação parecida com a das funções. “Em um vestibular tradicional, uma questão de PA é anunciada com a frase “Em uma PA…”. No Enem isso também pode ocorrer, mas existe a preferência em se criar uma situação que origine uma PA. O aluno deve reconhecer que se trata de uma PA analisando os dados apresentados”, explica o professor e Matemático Valdivino Sousa.

Estatística

Nas questões de estatística, é bastante comum que caia a média aritmética, a moda ou a mediana.

Grandezas proporcionais

As questões que envolvem grandezas podem ser cobradas como inversamente proporcionais ou diretamente proporcionais. É bastante comum que sejam resolvidas com uma simples regra de três.

Porcentagem

As questões de porcentagem também costumam apresentar um enunciado claro. No entanto, muitas vezes a questão que traga porcentagem também aborda outro assunto – o mais comum é que seja matemática financeira, por exemplo.

Equações 1º e 2º graus

As questões que exigem uma equação são bastante comuns e também não costumam ter um enunciado explícito. Normalmente, a questão coloca um problema que exige que o aluno formule uma relação de equação para resolver.

Trigonometria (triângulo retângulo e semelhança de triângulos)

Já nas questões de trigonometria, o uso das relações matemáticas costuma ser bem mais aparente. Normalmente, a questão já vem com um desenho da figura, deixando claro o que o aluno deve fazer para chegar à resposta.

Áreas de figuras planas/prismas, cilindros, cones e esferas

Da mesma forma que nas questões de trigonometria, as questões de figuras planas e figuras tridimensionais (área e volume) costumam apresentar a figura do objeto descrito no texto. E por fim, Análise combinatória e probabilidade.

 Como se sair bem

A maior dica do Matemático Valdivino Sousa, e que vale para as outras matérias também é resolver questões antigas de provas anteriores. “Fazendo isso, o aluno vai se sentir bem mais à vontade na hora do exame”, completa.

Outra coisa que ajuda é usar o método pega-varetas. No jogo, que consiste em lançar varetas ao chão e pegar o máximo possível sem movimentar as outras, o segredo é sempre pegar as que estavam mais fáceis para, só depois, tentar tirar as difíceis.

Esse princípio também se aplica ao Enem e ao vestibular, em que há um grande número de questões de diferentes níveis de dificuldade e um tempo limitado para resolvê-las. Assim, comece respondendo as mais fáceis e deixe as mais complicadas para depois. “As questões têm pesos diferentes, mas o candidato deve tentar responder o maior número que conseguir”, explica o Valdivino Sousa. Se perder muito tempo nas mais difíceis, sobrará pouco para as que você teria mais chance de acertar, certo?

 

Sobre o Autor

Valdivino Sousa é Professor,  Matemático, Pedagogo, Contador, Bacharel em Direito, Mestrado em Ciências da Educação Matemática e Escritor. Criador do método X Y Z que facilita na aprendizagem de equação e expressão algébrica com objetos ilustrativos. Docente nos cursos de Matemática, Ciências Contábeis, Administração e Engenharia. Autor de mais de 15  livros e têm vários artigos publicados em revistas e jornais especializados.  Tem experiência na área de Matemática, com ênfase em Equações Diferenciais Parciais, Matemática Computacional e Engenharia Didática, atuando principalmente nos seguintes temas: métodos numéricos, equações diferenciais, modelagem, simulações e  didática no ensino de Matemática. Além da Matemática atua há mais de 20 anos em Contabilidade e desde 2005 é Contador responsável da Alves Contabilidade. Outras atividades: Programador Web, Estrategista de Conteúdo e mídias digitais, Blogueiro Mtb 60.448. Semanalmente escreve para o portal D.Dez, Jornal da Cidade e Folha Online. Sobre: Comportamento, Educação Matemática e Desenvolvimento da Aprendizagem. E-Mail: valdivinosousa.mat@gmail.com Whatsap: 11 – 9.9608-3728 Veja Biografia

 

 

Matemático dá dicas para seu filho lidar melhor com a matemática

Matemático dá dicas para seu filho lidar melhor com a matemática

Matemático dá dicas para o seu filho lidar melhor com a matemática, o Matemático e Pedagogo Valdivino Sousa explica como os pais devem ajudar os filhos a terem uma relação mais saudável com a disciplina.

Questão de treino. Nunca diga a ele que você também é ruim com números. Isso transmite uma mensagem de que “ser ou não ser bom” na matéria é uma condição inata e não há nada a fazer, o que não é verdade. Continuar lendo Matemático dá dicas para seu filho lidar melhor com a matemática

ECF – Escrituração Contábil Fiscal 2019, Igrejas, Centros Religiosos, Associações e Ongs

Resultado de imagem para Contador explica sobre Conselho Fiscal

Informamos que o prazo da entrega da ECF – Escrituração Contábil Fiscal é até o dia 31/07/2019.

 Obrigatoriedade: Igrejas, Centros Religiosos, Associações e Ongs, enquadradas como imunes e isentas, bem como todas as pessoas jurídicas, sejam elas tributadas pelo lucro real, lucro arbitrado ou lucro presumido. Continuar lendo ECF – Escrituração Contábil Fiscal 2019, Igrejas, Centros Religiosos, Associações e Ongs

Contador explica como regularizar CNPJ inapto

Imagem relacionada

O contador especialista em igrejas Valdivino Sousa, da Alves Contabilidade, explica como regularizar CNPJ inapto, atualmente milhares de CNPJs encontram-se inaptos, ou seja, irregular junto ao fisco, as Igrejas, Ong, Associações e Centros religiosos. “O motivo que um CNPJ passa a ser inapto é por que a empresa, ou entidade sem fins lucrativos deixou de cumprir as obrigações fiscais, nos últimos dois anos, três anos, quatro anos, ou cincos anos, dentre as obrigações estão: RAIS, DCTF, ECF e GFIP”. Explica Valdivino Sousa da Alves Contabilidade. Continuar lendo Contador explica como regularizar CNPJ inapto

Este ano Receita vai usar chat para responder dúvidas

valdivinosousamat

Este ano Receita vai usar chat para responder dúvidas, a informação é do Contador e Consultor Valdivino Sousa, da Alves Contabilidade, segundo ele a Receita Federal irá oferecer um serviços a mais do 0800, entretanto, para o contribuinte ser atendido pelo chat, o mesmo terá acessar a sala de bate-papo, de pessoa física através do certificado digital.A Receita Federal informa que a  partir de 8 de abril, as pessoas físicas poderão regularizar os débitos com o Fisco por meio de um chat (sala de bate papo). Continuar lendo Este ano Receita vai usar chat para responder dúvidas

IR 2019 como declarar bens móveis carros, motos ou caminhões, a vista ou financiado

IR 2019 como declarar bens móveis carros, motos ou caminhões, a vista ou financiado.

IRPF 2019: como declarar bens móveis carros, motos ou caminhões, compra venda ou financiado? Muitas pessoas têm dúvida como declarar na IR compra de um carro, moto ou caminhão, seja comprado à vista ou financiado. Se você está nessa condição, o Contador e Consultor Valdivino Sousa da Alves Contabilidade  explica como informar na sua Declaração. Continuar lendo IR 2019 como declarar bens móveis carros, motos ou caminhões, a vista ou financiado

Contador explica como fazer declaração de renda de contribuinte falecido

Resultado de imagem para irpf 2019 espolio
Contador explica como fazer declaração de renda de contribuinte falecido, o Contador Valdivino Sousa da Alves Contabilidade esclarece como entregar a IRPF 2019 de Espólio, para quem não sabe a expressão “Espólio” é o contribuinte falecido no ano anterior ao da Declaração.
Se você é herdeiro e está como responsável por um processo de inventário, é importante entender como declarar em 2019 o Imposto de Renda da pessoa falecida e conhecer as diferentes etapas a serem cumpridas até a finalização do processo de inventário.

Continuar lendo Contador explica como fazer declaração de renda de contribuinte falecido

Fique de boa com o Leão declare sua IRPF 2019

Fique de boa com o Leão declare sua IRPF 2019, mais uma temporada de acerto de contas com o Leão, e mais uma vez está em mãos dos escritórios de contabilidade o conhecimento e as técnicas de fazer uma declaração sem erros. A Alves Contabilidade na Rua Brigadeiro Tobias 247, Conj. 1219, Centro São Paulo, Cep 01032-000, recomenda manter os documentos bem organizados e fazer o envio das informações longe da correria dos últimos dias, já que o prazo se estende até 30 de abril. Continuar lendo Fique de boa com o Leão declare sua IRPF 2019