Arquivo da tag: Matemática

Encontro dos apaixonados por Matemática

Apaixonados por matemática se reúnem

Alunos e professores de Maringá e região participam de encontro na UEM ao longo deste sábado (23). Eles são vistos como os apaixonados por matemática

A matemática não é tão difícil quanto parece. A questão é forma como é ensinada. É o que defende uma nova geração de professores, que se reuniu neste sábado (23), na Universidade Estadual de Maringá. É o 3° Encontro Regional da Olimpíada Brasileira de Matemática da Escola Pública, coordenado pela UEM e UEL. Continuar lendo Encontro dos apaixonados por Matemática

Cérebro de meninas e meninos tem a mesma habilidade em matemática?

Por Redação, em 12/11/2019

estudomatematica

Pesquisadoras dos Estados Unidos analisaram o cérebro de crianças e viram que a capacidade de fazer cálculos não muda conforme o gênero, portanto não existe diferença, ou seja, segundo o estudo tem a mesma habilidade.

A baixa representatividade de mulheres em profissões nas áreas de exatas, como engenharia e matemática, não é uma questão biológica. A ciência prova que as mulheres são tão aptas quanto os homens quando se trata de habilidades matemáticas. É o caso de um novo estudo, publicado no jornal científico Science of Learning. Continuar lendo Cérebro de meninas e meninos tem a mesma habilidade em matemática?

Matemático comenta sobre prova de matemática do Enem 2019

11898754_10203852739753543_5463339728324482970_n

O Matemático Valdivino Sousa comenta sobre a prova de matemática do Enem 2019, segundo ele este ano a disciplina exigiu concentração e conhecimento teórico dos alunos.

Valdivino Sousa também explica que no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), deste ano as questões tiveram uma característica diferente do ano anterior e foram marcadas pela grande quantidade de operações matemáticas.

“De um modo geral a prova em relação os anos anteriores houve uma diminuição dos textos, mas um aumento absurdo das operações matemáticas. Muita conta, números quebrados, números decimais, frações. A prova estava mais para um nível difícil pela sua complexidade, e o aluno que não estudou com certeza teve dificuldade”, disse Valdivino Sousa.

Ontem (10), os candidatos fizeram provas matemática e ciências da natureza e tiveram 5 horas para resolver 90 questões.

Fonte: Valor X

Matemático avalia que prova de matemática foi extensa e com muito cálculo

Imagem relacionada

O Matemático Valdivino Sousa avalia que prova de matemática foi extensa e com muito cálculo, sendo assim, exigindo concentração e conhecimento teórico da disciplina.

Valdivino Sousa avaliou a prova da disciplina no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Para ele, as questões tiveram uma característica diferente do ano anterior e foram marcadas pela grande quantidade de operações matemáticas.

“A prova teve uma característica diferente da do ano passado. Houve uma diminuição dos textos, mas um aumento absurdo das operações matemáticas. Muita conta, números quebrados, números decimais, frações. A prova estava mais para um nível difícil pela sua complexidade o aluno que não estudou com certeza teve dificuldade”, disse Valdivino Sousa.

Ontem (10), os candidatos fizeram provas matemática e ciências da natureza e tiveram 5 horas para resolver 90 questões.

Valdivino Alves de Sousa

foto19

Valdivino Alves de Sousa é um Matemático brasileiro nascido no Estado da (Bahia em 24 de Dezembro de 1973). Fez seus estudos iniciais em sua cidade natal e depois cursou o ensino Médio técnico (antigo 2º grau) no Colégio Washington na Cidade de São Paulo -SP. Desde que iniciou a estudar o que lhe chamava atenção em sua vida, era à área de Exatas, entre idas e vindas, cursou 04 (quatro) faculdades: Ciências Contábeis, Direito, Licenciatura Plena em Pedagogia e Licenciatura Plena em Matemática. Continuar lendo Valdivino Alves de Sousa

Índia tem 3.000 anos de matemática

Professor escreve em quadro negro

Pesquisa matemática indiana tem passado glorioso, como definições de seno e cosseno nos séculos 4 e 5

Visitei a Índia por duas semanas para uma conferência de minha área de pesquisa (sistemas dinâmicos), que o Impa organizou em Bangalore, em parceria com o Centro Internacional de Física Teórica de Trieste e o Centro Internacional de Ciências Teóricas de Bangalore, filial do Instituto Tata de Bombaim. Continuar lendo Índia tem 3.000 anos de matemática

Matemática das bolhas de sabão ajuda a explicar problemas da vida real

Valdivino Sousa

O Matemático Valdivino Sousa, explica sobre a relação da matemática com as bolhas de sabão na vida real, o estudo destas superfícies abre caminhos para entender, por exemplo, o que acontece em volta dos buracos negros.

O que há em comum entre a bolha de sabão que uma criança assopra no ar, as ligas metálicas que sustentam uma construção e os arredores dos buracos negros que nos rondam? Há um elo invisível que os conecta: a matemática, uma ciência capaz de aproximar os mais diferentes fenômenos na busca por compreendê-los. Continuar lendo Matemática das bolhas de sabão ajuda a explicar problemas da vida real

Adolescentes infratores brilham na Olimpíada de Matemática

Um dos internos da Casa Rio Tâmisa que se classificou para a segunda fase da Olimpíada de Matemática

Com poucas visitas e mesmo vistos com desprezos pela sociedade, jovens adolescentes infratores brilham na Olimpíada de Matemática. Eles tiveram a educação interrompida em diversos momentos de suas vidas, mas mesmo assim se classificaram para a segunda fase da Olimpíada de Matemática. Na Unidade Chiquinha Gonzaga, o que é comum entre as 103 adolescentes internadas ali. Assim como nos presídios para mulheres adultas, as meninas internadas na Fundação Casa recebem menos visitas que os meninos. Como é o caso de Vanessa jovem fez o teste em uma sala com lousa e carteiras, mas que tem grades nas janelas pequenas e altas e uma porta que normalmente fica trancada a cadeado. Continuar lendo Adolescentes infratores brilham na Olimpíada de Matemática

Não aprendeu matemática? Dane-se

Por Elio Gaspari

O bolsonarismo deve ter encontrado sinais de marxismo gramsciano e ideologia de gênero nas quatro operações   O bolsonarismo deve ter encontrado sinais de marxismo gramsciano e ideologia de gênero nas quatro operações da matemática. Só isso explicaria a decisão do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) de não renovar o contrato do Programa de Iniciação Científica e Mestrado dos jovens que ganharam medalhas nas Olimpíadas de Matemática e chegaram às universidades. São 650 alunos, e cada um deles recebe R$ 400 por mês. Coisa de 3,1 milhões por ano. (Nos seus primeiros meses, o governo gastou R$ 1,6 milhão com medalhas para seus agraciados.) Continuar lendo Não aprendeu matemática? Dane-se

Como fazer a criança gostar de matemática

Como fazer a criança gostar de Matemática, muitos professores do ensino infantil buscam soluções para esse problema, muitos deles usam recursos como jogos, desenhos game, entre outros, sabemos que um recurso educativo é uma ajuda ou um meio para favorecer a aprendizagem. Mas afinal como fazer as crianças a gostar de Matemática?

Um recurso educacional é um meio de ajuda para a criança a gostar de matemática, despertar o interesse e promover uma aprendizagem existem alguns recursos matemáticos, porém, muitos deles não são mágica, mas facilitam muito o aprendizado de matemática pelas crianças. Para entender o papel que representam, é necessário compreender a importância das emoções em todos os processos de aprendizagem. Continuar lendo Como fazer a criança gostar de matemática