Arquivo da tag: R7

Gugu Liberato morre, aos 60 anos, nos Estados Unidos

Gugu Liberato durante coletiva de imprensa do reality show 'Canta Comigo' em 23 de setembro, no Pavilhão Vera Cruz, em São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo — Foto: Fábio Guinalz/Fotoarena/Estadão Conteúdo

Gugu Liberato morre, aos 60 anos, nos Estados Unidos

Apresentador teve morte cerebral após sofrer uma queda de quatro metros em casa, em Orlando, e bater a cabeça

O apresentador Gugu Liberato, de 60 anos, morreu nesta sexta-feira (22), em Orlando, nos Estados Unidos. O comunicador da Record TV estava internado desde quarta no hospital Orlando Health, quando sofreu uma queda em casa e bateu a cabeça.

A informação foi confirmada em nota pela assessoria de imprensa de Gugu.

“Este é um momento que jamais imaginamos viver. Com profunda tristeza, familiares comunicam o falecimento do pai, irmão, filho, amigo, empresário, jornalista e apresentador Antônio Augusto Moraes Liberato (Gugu Liberato), aos 60 anos, em Orlando, Florida, Estados Unidos”, diz o texto.

Leia mais em: https://g1.globo.com/pop-arte/noticia/2019/11/22/gugu-liberato-morre-nos-estados-unidos.ghtml

O apresentador caiu de uma altura de quatro metros. Ele foi levado para o hospital inconsciente e teve morte cerebral. A pedido da família, o neurocirurgião de Gugu viajou até os Estados Unidos para examiná-lo

Leia mais em: https://entretenimento.r7.com/famosos-e-tv/gugu-liberato-morre-aos-60-anos-nos-estados-unidos-22112019?fbclid=IwAR271BRk98eoDl_TSFaDPUXhHFYMVc9rmCYhBFBUcSDLYuYhmzl8_fFBQ1s

Preço alto e desemprego afastam clientes dos planos de saúde

Planos perderam 133 mil clientes no período de 12 meses

Preço alto e desemprego afastam clientes dos planos de saúde

Com 93 mil vínculos a menos entre abril e julho, o número de beneficiários dos convênios médicos aparece abaixo de 47 milhões pela 1ª vez desde 2012

A elevada taxa de desemprego e o alto preço dos convênios médicos têm colocado os planos de saúde na UTI. Segundo dados do IESS (Instituto de Estudos de Saúde Suplementar), os convênios figuram com menos de 47 milhões de beneficiários pela primeira vez desde março de 2012.

O levantamento aponta que mais de 93 mil vínculos foram rompidos com os planos de saúde somente entre os meses de abril de julho deste ano. Na avaliação dos últimos 12 meses finalizados em julho, a perda de clientes alcança os 133 mil.

O superintendente executivo do IESS, José Cechin, afirma que a fuga dos clientes dos convênios médicos é motivada pelo clima de incerteza, recessão econômica e a taxa de desemprego, que hoje aflige mais de 12 milhões de brasileiros.

Leia mais em: https://noticias.r7.com/economia/preco-alto-e-desemprego-afastam-clientes-dos-planos-de-saude-14092019 Continuar lendo Preço alto e desemprego afastam clientes dos planos de saúde