Arquivo da tag: rádio nacional da amazônia

Mara Régia levantou a bandeira da preservação ambiental e das lutas femininas na Rádio Nacional da Amazônia

Por Valdivino Sousa

Primeira equipe do programa Natureza Viva ( d. p/ e.) Reinaldo Brasiliense (repórter especial do programa), Mara Régia, Ida Pietrekovski e Carlos Moreira, 1983. Acervo Cláudio Paixão

Na segunda entrevista da série em comemoração aos 43 anos da Rádio Nacional da Amazônia, vamos conhecer a trajetória da radialista Mara Régia Di Perna. Ela ingressou na emissora em 1978 como produtora do programa Clube do Ouvinte e participou da primeira radionovela da Nacional da Amazônia, História do Dito Gaioleiro, produzida por Heleninha Bortone, a Tia Leninha.

Em 14 de setembro de 1981, Mara Régia muda de estação  e passa a apresentar o programa Viva Maria, na Rádio Nacional de Brasília, onde fez história na mobilização das mulheres pelas conquistas dos seus direitos, especialmente na Constituição de 1988. Tendo o seu programa interrompido, em 1990, no Governo do Fernando Collor de Melo, apenas 1992, dentro do espírito da Eco-92, Mara voltou a Rádio Nacional da Amazônia integrando a equipe do programa Natureza Viva.

Apesar de todo o alcance do seu trabalho na defesa do meio ambiente na luta pela cidadania feminina, em 2000, o programa Natureza Viva mudou de estação retomando para Rádio Nacional da Amazônia, apenas em 2003. Em 2004, o programa Viva Maria também voltou a ser transmitido, dessa vez já na forma de programete.

Conheça o relevante trabalho de Mara Régia para os povos da floresta – trabalhadores rurais, ribeirinhos, quebradeiras de coco, extrativistas, entre outros. Mara Régia faz história nas comemorações de 43 anos da Rádio Nacional da Amazônia.

Ouça na íntegra a entrevista

Com informações do blog Na Trilha do Rádio

Entrevista Realizada pelo Jornalista Cláudio Paixão

Presidente da EBC parabeniza a Rádio Nacional da Amazônia

Rádio Nacional da Amazônia volta a transmitir em 49 metros - Caros Ouvintes

Por  Valdivino Sousa

Emissora completa 43 anos nesta terça-feira (1º)

Em entrevista ao Tarde Nacional desta terça-feira (1º), o diretor-presidente da Empresa Brasil de Comunicação (EBC), Luiz Carlos Pereira Gomes, celebrou os 43 anos da Rádio Nacional da Amazônia.

 

“Fico muito honrado de estar nessa tarde com vocês, nossos ouvintes da Rádio Nacional da Amazônia. Essa data é muito importante pelo trabalho de utilidade pública, além do entretenimento e informação, que a EBC presta à comunidade da Amazônia Legal. Nós temos muito a nos orgulhar porque temos uma audiência muito fiel”, celebrou.

O diretor-presidente também afirmou que a comemoração é uma oportunidade para refletir sobre a trajetória e a importância da emissora. Além disso, agradeceu ao carinho dos ouvintes que acompanham a rádio há 43 anos.

“Quando a gente faz um aniversário é sempre um momento de refletir sobre o que realizamos ao longo desses 43 anos. Desejo a todos os nossos ouvintes muitas felicidades, que vocês continuem comemorando conosco e desejo a cada um, aos profissionais e ouvintes, que Deus proteja e abençoe cada um de nós com muita saúde e paz. Muito obrigada pela audiência, obrigada por estar conosco todos os dias”, agradeceu.

Inaugurada em 1º de setembro de 1977, a Rádio Nacional da Amazônia transmite, em ondas curtas para a região amazônica, informação, cultura e entretenimento. São 43 anos de uma única família: a família Rádio Nacional da Amazônia, onde jornalistas, técnicos de som, estagiários e principalmente os ouvintes celebram a cultura da Amazônia!

Conheça Márcia Ferreira, primeira locutora da Rádio Nacional da Amazônia

 
Por Cláudio Paixão
 
 
 

Ao longo dessa semana, em que a Rádio Nacional da Amazônia completa 43 anos, trago uma série de entrevistas com profissionais que ajudaram a fazer a história da emissora. A entrevistada desta segunda-feira, 31, é Márcia Ferreira, locutora responsável por colocar no ar os primeiros programas veiculados pela Nacional. Continuar lendo Conheça Márcia Ferreira, primeira locutora da Rádio Nacional da Amazônia

Valdivino Sousa a Matemática está presente em tudo

blogvaldivino

O Blog do Prof. Valdivino Sousa www.valdivinosousa.mat.br pretende de uma forma simples apresentar como a Matemática está presente em tudo, e como ela está inserida em nosso cotidiano.

O objetivo do blog é mostrar para as pessoas, a importância da Matemática em nossa vida, o quanto esta ciência faz parte do dia a dia de todos nós, independente da situação ou momento ela está sempre presente em tudo. Continuar lendo Valdivino Sousa a Matemática está presente em tudo

Ranking de 2018 sobre menosprezo ao professor – Brasil fica em 1º lugar

brasilprofessores

Uma pesquisa feita com 35 Países o Brasil fica em primeiro lugar, como o país que menos valoriza professores. O ranking mostra desgaste de professores e salas de aula lotadas, as escolas públicas chega a ter mais de 40 alunos para cada professor, o problema se arrasta do ensino fundamental ao ensino médio.

Os problemas e menosprezo aos professores não é de agora, em 2015 concedi uma entrevista ao Programa Nacional Jovem, da Rádio Nacional da Amazônia em Brasília. Falando sobre o Estresse e falta de preparo psicológico dos professores. Ser professor é uma das profissões que mais sofrem estresse. Continuar lendo Ranking de 2018 sobre menosprezo ao professor – Brasil fica em 1º lugar

Brasil entra para o grupo de elite da União Matemática Internacional

Foto: Os participantes da Olimpíada Internacional de Matemática, que aconteceu no ano passado, no Brasil – Agência O Globo

O Brasil avança para a categoria 5 e fica ao lado das dez nações mais desenvolvidas em pesquisa na área do mundo. O Impa (Instituto de Matemática Pura e Aplicada) e a SBM (Sociedade Brasileira de Matemática) anunciaram nesta quinta-feira que o Brasil teve sua entrada aprovada no Grupo 5 da União Matemática Internacional (IMU, na sigla em inglês). Apenas dez outros países fazem parte deste grupo, que reúne as nações mais desenvolvidas em pesquisa matemática no mundo. O Brasil estará ao lado agora de Alemanha, Canadá, China, Estados Unidos, França, Israel, Itália, Japão, Reino Unido e Rússia. Continuar lendo Brasil entra para o grupo de elite da União Matemática Internacional

Matemático cria método que facilita na aprendizagem de equação e expressão algébrica com uso de objetos ilustrativos

fotoval

O Professor e Matemático Valdivino Sousa criou o método X Y Z que facilita na aprendizagem de equação e expressão algébrica com uso de objetos ilustrativos. O objetivo do método é proporcionar uma visão de aprendizagem de equação de 1º grau e expressões algébricas por meio da metodologia da engenharia didática, que consiste determinar uma forma de educação Matemática diferente da que existe. Continuar lendo Matemático cria método que facilita na aprendizagem de equação e expressão algébrica com uso de objetos ilustrativos

Professor posta problemas Matemáticos nas redes sociais e compartilha aulas criativas de matemática

matematico

Professor de matemática tem seguidores do mundo todo nas redes sociais, estamos falando do professor e Matemático Valdivino Sousa que faz sucesso ensinando Matemática nas redes sociais, ele que é criador do método x y z que facilita aprendizagem de equação com o uso de objetos ilustrativos, o Matemático posta problemas nas redes sociais usando frutas e demais objetos, ou seja, no lugar de ser uma incógnita x, ou y ele utiliza um objeto. O resultado tem dado a ele o reconhecimento de um Professor Matemático didático que usa método diferente para ensinar, com uma linguagem simples e fácil de entender ele usa uma abordagem passo a passo mostrando para as pessoas como chegou o resultado. “para mim é gratificante ver meu trabalho sendo reconhecido, e fico contente de saber que as pessoas estão aprendendo matemática de outra forma”, Explica Valdivino Sousa. Continuar lendo Professor posta problemas Matemáticos nas redes sociais e compartilha aulas criativas de matemática

A magia do número 4: sobre meias, pombos, e amigos

Há 18 pessoas num lugar. Logo, no mínimo quatro delas já se conhecem, ou então quatro delas nunca se viram antes. Esse fato dispensa uma explicação sociológica mirabolante — pelo menos para quem já ouviu falar dos número de Ramsey.

Leia o artigo completo

O que os olhos não veem, o raciocínio revela

Por Valdivino Sousa

O que é matemática? Muita gente responde algo na linha “é a ciência dos números”, e então dá uns poucos exemplos tirados da aritmética básica. Nesta reportagem, professores exploram a ideia de que a matemática permite ao homem ver coisas que, sem matemática, permaneceriam encobertas — como quando cientistas brasileiros viram, no corpo humano, objetos matemáticos comuns na transmissão digital de dados.


Bird Toy


{1}/ Passarinhos, eleições, e a catedral de Brasília

“Você já viu um daqueles passarinhos que podemos equilibrar pelo bico?” Quem pergunta é Juliana Costa Camargos, professora de matemática de dois colégios bem conhecidos de Belo Horizonte (MG): Pitágoras e Bernoulli. Ela se refere a um brinquedo, um passarinho de papel ou plástico; basta apoiar o bico do passarinho num dos dedos e todo o resto de seu corpo fica parado no ar, como se estivesse flutuando. “Muita gente, quando vê aquele brinquedo pela primeira vez, exclama: Como isso é possível?!” Continuar lendo O que os olhos não veem, o raciocínio revela