Arquivo da tag: uma extensa pesquisa sobre um movimento de psicanalistas europeus entre a Primeira e a Segunda Guerra Mundial

Psicanálise tem de ser democratizada. Não pode ser só para burguesia

Psicanálise tem de ser democratizada. Não pode ser só para burguesia

Pesquisadora Elizabeth Ann Danto fala sobre a psicanálise como instrumento de justiça social e do mito de que Freud era “apolítico”que existia ao redor dele’

BdF – A visão de que a psicanálise é elitista e restrita à burguesia deve ser desconstruída para se entender esse campo do conhecimento como instrumento de transformação da sociedade para a justiça social. É o que defende a professora de história da psicanálise e saúde mental urbana Elizabeth Ann Danto.

Professora emérita de serviço social pela Hunter College da Universidade da Cidade de Nova York, Danto é autora do livro As Clínicas Públicas de Freud: Psicanálise e Justiça Social, 1918-1938, uma extensa pesquisa sobre um movimento de psicanalistas europeus entre a Primeira e a Segunda Guerra Mundial, que defendia a gratuidade e democratização do atendimento psicanalítico como necessidade tanto quanto o direito à saúde física.

Continuar lendo Psicanálise tem de ser democratizada. Não pode ser só para burguesia